SENTANDO NA BONECA INFLÁVEL

Enquanto o país vai pro buraco, a indústria de bonecos infláveis não para de crescer. Enormes bonecos de plástico, inflados pela inflação, tomam conta das manifestações no Brasil como Godzillas. Depois do Pixuleco Lula Presidiário e da Pinóquia Dilma, agora vão ser lançados os bonecos infláveis da Rosemery e da Dona Marisa. Só que o boneco da ex-Primeira Dama não foi inflado com gás, é cheio de Botox. O boneco do Joaquim Levy já está quase pronto e tem o patrocínio do Bradesco, que usou a Lei Rouanet para financiar a criatura gasosa. Maiores que os bonecos de Olinda, os bonecos infláveis se reproduzem feito ratos e, em vez de assustar as criancinhas, estão apavorando os membros do governo e da base criminal aliada. Quem não está gostando nada disso são os Birutas de Posto de Gasolina. Assim como os taxistas querem acabar com o Uber, os Sindicatos dos Birutas de Posto de Gasolina vão fazer uma manifestação em Brasília contra os Bonecos Infláveis de Manifestação.

As megaconstrutoras Queiróz Ladrão, Odecheque e Embargo Correa resolveram sair do ramo de obras superfaturadas para se dedicar inteiramente à indústria dos bonecos infláveis. O governo pretende lançar o programa assistencialista Meu Boneco Minha Vida e, assim, incentivar a construção de supercriaturas de plástico para o Brasil sair da recessão. Como ninguém se entende no governo, o ministro do Bradesco, Joaquim Levey, disse que está estudando um aumento do IOF, Infláveis Operações Fraudulentas, que vai taxar as negociatas do governo. Esse imposto sobre a propina, certamente, não vai passar na Câmara e no Senado.

Por falar nisso, no tradicional desfile de Sete de Setembro, a presidenta, com medo de ser vaiada pelo povo, desfilou no meio dos Dragões da Independência, onde não foi reconhecida. Dilma anda muito carente. Com isso em mente (e como mente!), o genial marqueteiro João Sacanna sugeriu que Dilma Roskoff vá para Síria e, da Síria, siga a pé até a Alemanha, onde, finalmente, será recebida com carinho por alguém. Mas nem tudo é desgraça no Brasil. Depois do Mensalão, do Petrolão e do 7 x 1 da Alemanha, o país perdeu o grau de investimento, foi rebaixado e agora está na Segunda Divisão. O Brasil parece o Vasco da Gama, e o Lula virou uma espécie de Eurico Miranda. Embora eu ache que o Eurico não vai gostar nada dessa comparação…

10-09-2015 Agamenon0001

Agora que Brasil perdeu seu grau de investimento, as donas de casa já estão se preparando para comer o pão que o diabo amassou.

Agamenon Mendes Pedreira é jornalista inflável.

banner_arte_02

2 Comentários

  1. Márcio   •  

    “Desfilou no meio dos Dragões da Independência e não foi reconhecida.”
    “Base criminal aliada”
    “Imposto sobre propina, certamente, não vai passar na Câmara e no Senado”
    Sensacional, nota mil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *