TUITANDO E ANDANDO

A tradição mijo-urinária sempre foi histórica no carnaval. No Rio de Janeiro, por exemplo, a incontinência urinária sempre inundou a cidade, como já estão encharcados de provar os blocos Cacique Mijamos, o Mijão das Bolas Pretas, Uremia É Quase Amor e a Estação Mijeira de Mangueira, campeã do carnaval.

Há séculos, o carnaval é uma tradição cultural e genito-anal brasileira. Além da safadeza, das drogas e da criminalidade, o carnaval é um grande gerador de divisas para o país, e o Brasil deveria incentivar essas práticas imorais e lucrativas. Mesmo porque, com a Lava Jato, a corrupção, a principal atividade fetichista-econômica do Brasil, está paralisada, impedindo que o país volte a crescer, sem o auxílio de medicamentos antibrochantes.

Mas desta vez o presidente Jair Pornossauro foi longe demais: sem ter o que fazer em Brasília, o presidente, em vez de trabalhar, ficou direto no X Vídeos e, indignado com a pornografia, resolveu postar um vídeo de natureza eroto-sacanalógica para criticar a falta de moralidade nas festas momescas. Para o pornográfico presidente, o desfile das escolas de samba deveria ser substituído pela parada de 7 de setembro.

Não precisa ser psicanalista de porta de inconsciente para perceber que as paradas militares têm um componente homoerótico de grosso calibre (pronto, lá vêm os trocadilhos…). Símbolos fálicos desfilam eretos em profusão: fuzis, canhões, baionetas, bazucas e obuses “reto-propulsados” deixam os bolsomilitaristas (todos camuflados) em incontrolável êxtase homoafetivo de fundo nervoso. Mais de fundo que nervoso.

Segundo meu personal psicoproctologista, Dr. Jacintho Leite Aquino Rego MD, trata-se de uma fixação na fase anal passiva, neurose também muito comum em indivíduos comunistas de esquerda que resolvem praticar o socialismo justamente pela bunda. A deles, no caso.

Apesar de usuário frequente das redes sexuais, o presidente desconhecia o famoso “Golden Shower”, exibido despudoradamente no vídeo bostado pelo chefe da nação na internet. Se queria Jair se exibindo, Bolsonaro deveria ter mostrado a dissolução dos costumes nas despudoradas negociações no Congresso ou sessões de sadojudicialismo do STF, Supremo Tribunal de F*#!*%odelança.

Agamenon Mendes Pedreira é contra o atentado ao odor.

banner_arte_02

1 comentário

  1. Saulo Borges   •  

    … #F5 … #F5 … …

    … …

Deixe uma resposta para Saulo Borges Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *