banner_arte_02

TRÍPLEX OF CARDS

Só tem um jeito de tirar o Brasil da lama: para entrar no país, os gringos agora vão ter que pagar ingresso igual na Disneylândia. É muita emoção, gente! Nem a Glória Maria aguenta mais tanta corrupção, delação e safadeza! Parece até que nós estamos todos fazendo figuração num reality shows sem saber. E o que é pior: sem ganhar cachê. Depois da Lava Jato, o seriado House of Cards virou novela infantil do Cartoon Network.

Semana passada foi punk. Começou com o depoimento do Lula, o Francis Underwood de língua presa. Aliás, a língua do Lula já está presa, agora só falta o resto. No depoimento ao juiz Sério Moro, Luiz Inocêncio Lula da Silva, o X-9 do PT, botou todas as broncas na conta da Dona Marisa, que já estava de passagem marcada pro Paraíso (o bairro) e teve que voltar de metrô para o Jabaquara, quer dizer, o Purgatório. “Devido de quê” às acusações do ex-marido, o processo dela caiu em exigência e ela vai ter que contratar o fantasma do Márcio Thomaz Bastos para arrumar um Habeas Cadaveris no STF, Supremo Tribunal Funeral.

Tudo era culpa da Dona Marisa: a meia furada, a cueca mal lavada, a janta que tava fria, o tríplex do Guarujá, o sítio de Atibaia, a refinaria Abreu e Lima e a compra da tranqueira de Passadena. Luiz Pinóquio Lula da Silva pendurou tudo na conta da Dona Marisa, que falecida está e falecida pretende continuar. Se Dona Marisa soubesse que o Lula tinha o dedo tão nervoso, teria cortado fora os outros nove.

Mas o depoimento do Lula não durou nem um dia nas manchetes. As delações premiadas dos marqueteiros Mônica Moura e João Sacana não deixaram pedra sobre pedra em nenhuma obra superfaturada nos governos do PT. A gente não sabia que era governada pela D. Iolanda e que depois virou Janete. A Dilma só se comunicava em código, por mensagens secretas, avisando os seus comparsas quando ia dar ruim na Polícia Federal!

E a ex-presidenta Dívida Rousseff, que tirava onda de honesta, não passa de uma sociopata socialista esquizofrênica e paranoide de esquerda. Ela ainda agia como nos tempos da guerrilha. Uma presidenta subversiva que lutava para derrubar o governo que ela mesma governava. Pode isso, Arnaldo? Pouco antes do impeachment, ela não sabia mais quem era nem o que estava fazendo ali no Palácio do Planalto. Então, para não perder a mania de guerrilheira de esquerda radical, Dilma continuou a “expropriar” verbas públicas, só que agora nem precisava de pé de cabra. Ela tinha a chave do cofre. Não satisfeita, como boa terrorista, aproveitou para “explodir” o desemprego no Brasil. Exatamente como fez com o cofre do Adhemar de Barros, que, perto dessa galera, não passa de um inocente trombadinha.

 

monica-moura-e-joao-santana

Mônica Moura confessou que, apesar de casada, gostava de receber tudo do Palocci no caixa dois. Enquanto isso, o marido, João Sacana, fazia sauna pelado com o Delcídio Amoral para discutir os detalhes da campanha. É muita sacanagem junta!!!

Agamenon Mendes Pedreira é suplente de poste.

593
ao todo.
banner_arte_02

O JULGAMENTO DE UNDERBERGH

O Lulalau nunca soube de nada. Desde o primeiro ano primário, Lula nunca soube coisa nenhuma e fez questão de continuar não sabendo. Por isso mesmo, não pode ser acusado de nada. Por absoluta falta de provas. Me mostrem uma única prova que o Lulalarápio tenha feito que eu rasgo meu holerite (no Rio de Janeiro se chama contracheque) de jornalista desempregado.
Luladrão está sendo perseguido só porque veio das profundezas do sertão nordestino de pau de arara, pobre e miserável. Hoje, graças aos nossos esforços e sacrifícios, Luiz Roubácio Lula da Silva é um homem muito rico, mas, sempre fiel às suas raízes, continua um miserável. E a Dona Marisa, coitada, está sendo acusada de ter rabo preso quando, na verdade, ela só tem a língua solta. E, além do mais, enquanto ex-primeira-dama, Dona Marisa tem furo privilegiado.
Lula é Inocêncio, posso garantir. Ou, como diz a ex-presidenta Dilma Roskoff, é inocento! Ele mesmo declarou pessoalmente que não existe ninguém mais honesto que ele no Brasil. Isso dá uma ideia do ponto a que este país chegou!
Luladravaz, corajoso e destemido, não se amedronta diante do Ministério Púbico e declarou que se alguém conseguisse provar que ele está metido em alguma bandalheira, pode atirar a primeira pedra. E para fornecer as pedras, montou um “consócio” milionário com a OA$, a Odecheque e a Queiroz Ladrão.
Estão querendo crucificar o Lula, pegar ele pra Cristo, mas o próprio Luísque Inácio já declarou que não existe nenhum Jesus Cristo mais honesto do que ele. Justamente agora quando seus advogados estão abrindo um processo na ONU para canonizá-lo.
Lula, o homem que tentou acabar com a pobreza no Brasil (começando por ele, é claro), está sendo caçado como um bicho. Querem pegar o Lula para bode expiatório, mas ele mesmo já declarou que não existe no Nordeste nenhum bode mais honesto do que ele.
E tem mais! Todo mundo sabe que o Lulinha não é o dono da Friboi! Todo mundo sabe que a Friboi é uma sociedade do Toni Ramos com o Roberto Carlos, que, aliás, não é perneta nem vegetariano. A Seara é da Fátima Bernardes, que se separou do Bonner por causa de um peru da Sadia congelado escondido na geladeira.
Mas não há de ser nada. Tudo isso vai passar. Passar, lavar e cozinhar. Se por acaso Lula for preso, não vai sozinho. Ele, inclusive, já combinou um campeonato de tranca (com duplo sentido, por favor) com o Zé Dir$eu, o João Maiscari Neto e o Eduardo Pulha. Dedurando Cunha, que, aliás, ficou de levar numa mala de grife a sua mulher Cláudia Cruz, com quem é cassado.

15-09 agamenon

A PF descobriu que empreiteira OA$ pagava um milhão por mês para o Lula esconder as suas tralhas num banco secreto do Egito.

Agamenon Mendes Pedreira foi indiciado na operação Leva Jeito.

742
ao todo.
banner_arte_02

O DILMA D

Ontem foi um dia histérico! Num julgamento cheio de mentiras, calúnias e difamações no Senado Foderal, a presidenta Dilma Roskoff foi impichada por 61 votos a 20 e imediatamente despejada do Palácio do Alvorado onde estava morando de favor graças ao programa social Meu Palácio Minha Vida. Apesar de escrever no Antagonista, um dos maiores representantes da mídia golpista, sempre fui contra o impeachment da “presidanta” Fudilma Roussef. Impeachment é muito pouco pro que essa “mulher” fez! Graças a essa criatura (chamar a Dilma Mocreff de mulher é uma ofensa às mulheres do Brasil), o país está no buraco e o desemprego atinge 12 milhões de brasileiros, inclusive eu, que, para sobreviver, sou obrigado a ganhar a vida exercendo a mais abjeta e antiga das profissões, a de blogueiro!

No seu primeiro mandato, Dilma foi escolhida para ser o poste do Lula e é por isso que o Brasil quase ficou sem luz elétrica. Dilma Roskoff, com o tempo, se tornou numa espécie de Frankenstein do 9 Dedos e ganhou vida própria. Descontrolada, a terrível e monstruosa criatura instaurou o terror na campanha e, junto com os horripilantes Graça Foster e Nestor Cerveró na PTbrás, assustou o país com sua foto dos tempos de guerrilha e o slogan “Coação Valente!”. Zika Rousseff quebrou o país e a cara, não necessariamente nessa ordem, e agora volta para o lugar de onde nunca deveria ter saído: Parto Alegre, quer dizer, Parto Triste.

Mas, ao contrário de Fernando Cóllon de Mello, que foi proibido de exercer qualquer cargo público por 8 anos, Dilma Xana Roskoff foi beneficiada por uma armação de Renan Canalheiros e o presidente do Supremo Tribunal de Frango, Ricardo Lewandowsky. Todos sabem que o eminente juiz togado foi escolhido a dedo (!) pelo Lula, que achou que o sobrenome dele era Levandouísque! Esses dois personagens sinistros costuraram um acordo nas sombras e agora Zika Roussef vai poder se candidatar e perder qualquer eleição. Arrogante, a ex-guerrilheira, assim que soube do seu impeachment, saiu atirando, mesmo porque estava cercada de canhões: Jandira Feghalli, Kátia Abreu e Gleisi Hoffman.

Assim que a ficha caiu e Michel Temer percebeu que o país que ele estava destinado a presidir era o Brasil, o “presidento” não segurou a onda e se mandou pra China. Já a ex-“presidenta” Dilma foi pro espaço. E quem está hoje no comando do país é Rodrigo Mala. Pelo menos, pelas fotos, dá pra ver que o filho do Cesar Maia é bom de papo. E agora, o que vai acontecer com o nosso pobre Brasil? Agora que a Constituição foi fatiada como um presunto da Seara, será que a separação do Bonner e da Fátima Bernardes vai parar no Supremo Tribunal Federal? E quem vai ficar tomando conta da Morcela Temer, o Alexandre Frota? Será que já existe racha na base governista? Mas como, se não tem nenhuma mulher no ministério?

ursula

A primeira “mulher sapiens” a ocupar a presidência da República estuda duas propostas de trabalho: reabrir a loja de 1,99 centavos que conseguiu falir ou aceitar uma proposta milionária de Hollywood para se tornar vilã da Disney.

Agamenon Mendes Pedreira é golpisto.

939
ao todo.
banner_arte_02

CARTA CAPITAL

Em mais um furo de reportagem, eu, Agamenon Mendes Pedreira, o único jornalista investigativo heterossexual e impotente da América Latina, tive acesso exclusivo (e inclusivo) à verdadeira carta que a quase ex-presidenta em exercício, Zica Roskoff, enviou ao Senado Federal. Disfarçado de lagosta ao Thermidor, consegui circular tranquilamente pelo Palácio da Alvorada sem ser incomodado pelos ocupantes que preferem bife à parmegiana, picanha na brasa ou macarronada, culinária mais ao gosto de um governo popular.

Como todos sabem, a presidanta se recusou a comparecer à Comissão de Impeachment. A princípio pensou em arrumar um atestado médico falsificado do SUS, mas desistiu depois de ficar mais de quatro horas na fila e ser avisada que o posto estava fechado por falta de papel higiênico.

Depois de botar a culpa no Temer, embicou na direção de uma papelaria, onde comprou um papel de carta bem bonito da Hello Kitty, no qual escreveu a seguinte missiva para os senadores, que depois foi copidescada por seu adevogado José Eduardo Pomposo e por seu marqueteiro preso João Sacanna.

“Prezados Senadores e Senadoras, e por que não também saudar os parlamentares transgêneros e também aqueles que ainda não se identificam com nenhuma forma de sexualidade, uma vez que a nossa espécie não se resume ao Homo e a Mulher Sapiens sem esquecer, é claro, da Criança Sapiens que, por sinal, representa o futuro, muito embora o passado tenha muito a nos ensinar no que se refere ao tempo que passou e aos nossos ancestrais, como os macacos, os orangotangos e os gorilas dos tempos da Ditadura Militar. Portanto, em resumo, para não ferir nenhuma das minorias que compõem a diversidade da raça brasiliana, saúdo a Mandioca.

Não irei ao Senado única e exclusivamente por dois motivos: falta de grana. Assim sendo, não poderei requisitar uma aeronave a jato da FAB com o propósito no que se refere ao meu comparecimento a esta comissão de 20 por cento, que, desde já, esclareço, não recebi, uma vez que sou uma mulher proba e honesta. E mesmo porque, se recebi, aproveito para garantir que sobre este ou qualquer outro assunto nada sabia nem saberei, uma vez que me ocupava da Presidência da República inaugurando unidades do Minha Casa Minha Vida e frequentando as aulas do Pronatec. Como milhões de brasileiros, acho que vou ficar desempregada em breve e, assim sendo, tenho que economizar muito. Tenho economizado até o vento, muito embora, como já disse, a tecnologia humana não descobriu uma forma de armazenar o vento que não seja o intestino grosso.

Uma vez que o Senado Federal não possui um local adequado para o estacionamento de bicicletas oficiais, não vou comparecer a esta comissão de 30 por cento, comissão esta, desde já esclareço, mais uma vez, não recebi. No que se refere ao meu transporte, poderia ser questionada por que não vou  a cavalo ou mesmo no lombo de um burro, mesmo porque,  mais uma vez esclareço, o ex-presidente Lula se encontra em São Bernardo.”

agamenon_0707

Eduardo Cunha sai da Câmara para entrar na cadeia, mas presos protestam.

Agamenon Mendes Pedreira e jornalista investigativo e investigado.

 

675
ao todo.
banner_arte_02

TCHAU, CAÍDA!

Numa decisão histérica em Brasília, o Senado Foderal, por 55 a 22 votos, decidiu afastar a presidanta Fudilma Rousseff. Agora a futura ex-presidenta vai esperar o seu julgamento num bunker instalado no Palácio do Jaburu, residência oficial, construída em sua homenagem. Lá, lembrando seus tempos de guerrilheira, Dilma Mocreff vai lutar até o fim, utilizando armamentos pesados, como os canhões Jandira Feghali, Desgraça Foster e Erenice Guerra.

Ao contrário da mídia golpista, como O Antagonista, eu sempre fui contra o impeachment da Dilma! Impeachment é muito pouco pra essa mocreia! Sigam o meu raciocínio: a “presidenta-gerenta”, em apenas quatro anos, aumentou a inflação, diminuiu o PIB, fez o dólar subir, faliu o setor energético e quebrou a Petrobras. Será que a Dilma é uma agente neoliberal infiltrada no PT para destruir a maior empresa nacionalista do país? Nem mesmo o Roberto Campos imaginou que isso um dia iria acontecer.

Revoltada e injustiçada, Dilma reuniu a sua personal imprensa chapa-branca para declarar:

– Escrevam o que estou dizendo! Não vou desistir nunca! Eu ainda vou pegar a Andrea Sadi da GloboNews!

Com lágrimas de crocodilo nos ovos, a outrora Toda Phoderosa foi ainda mais longe em suas acusações:

– E esse golpista do Temer me odeia porque eu já dei uns amassos na mulher dele! Gostosa, recatada e do lar!

O desespero tomou conta de Brasília e o senador Renan Canalheiros resolveu arquivar o processo do presidente interino da Câmara de Torturas, Waldir Maranhão. Num gesto tresloucado, o político representante do baixo clero e do baixo nível do Congresso, Maranhão, fez jus ao seu sobrenome e resolveu anular o pedido de impeachment na mão grande. Ex de Collón de Mello, Renan Canalheiros não quis que sua já manchada biografia ficasse mais suja do que a Baía da Guanabara.

A verdade é que Michel Temer está tendo muitas dificuldades pra montar um ministério pior que o da Dilma. Vivemos uma época de Dilmas magras e quem sabe o que vai acontecer nos próximos meses ou está mentindo ou é petista. O que dá no mesmo.

1205_agamenon_casseta

O comandante do Titanic, Jacques Wagner, já mandou avisar que assim que o governo afundar, vai ser o primeiro a abandonar o navio junto com os ratos da base aliada.

Agamenon Mendes Pedreira é jornalista de Cristo.

673
ao todo.
banner_arte_02

A PÚCARA BÚLGARA

O desemprego no Brasil parece o cordão dos puxa-sacos do Michel Temer: cada vez aumenta mais. Quem também está de aviso prévio desde a semana passada é a quase ex-presidenta Zika Roskoff. Como o serviço no Planalto é com carteira assinada, a presidenta é celetista e, por isso mesmo, tem direito a “largar” duas horas mais cedo do serviço para procurar outro emprego.

Mas desta vez a Dilma foi longe demais! A presidenta-gerenta resolveu ir até Nova Iorque, na sede da ONU, para fazer um discurso explicando o “golpe” de que está sendo vítima no Brasil. Ora, se nem aqui a gente entende os discursos da Dilma, imagina na ONU! De repente me caiu a ficha: a Dilma fala e pensa em búlgaro! É por isso que é uma mulher incompreendida! Tudo o que aconteceu de errado no Brasil nos últimos anos é resultado da incapacidade das pessoas de entender o misterioso idioma bulgárico, a última flor dos Cárpatos, inculta e bela.

É claro que a viagem a Nova Iorque também serve para meter bronca no cartão de crédito corporativo da Presidência da República, já que esta mamata, assim como muitas outras, vai acabar. E o pior é que o cartão do Brasil está estourado, o gerente do Bradesco telefona todo dia para o Palácio do Planalto, mas não consegue falar com o titular da conta. Ninguém atende ao telefone. É claro. Se Dilma está de saída e o Temer ainda não assumiu, quem é que vai cobrir o saldo da conta negativada?

O gerente do Bradesco vai acabar mandando o Brasil para o Serasa.

Pensando bem, a assembleia da ONU é o lugar certo para um governante desempregado “sair em busca de novos desafios”. Sair em busca de novos desafios é como se diz hoje em dia quando se leva um pé na bunda do patrão. Na ONU tem escritório de todos os países e assim Dilma Rousseff pode entregar o seu currículo em cada uma das representações. Vai que tem uma vaga de presidenta no Togo ou em Burquina-Faso? Ou no Burundi? Nunca se sabe.

O problema é quando se vai contratar uma presidenta que durma no emprego: tem que saber se ela pode dar referências. Afinal, não se pode colocar uma pessoa dentro de casa sem saber direito quem é. Pode ser uma ladra, uma bandida ou, no mínimo, passar o dia inteiro pendurada no telefone da casa conversando com as “colega” para depois comer tudo o que tem na geladeira.

A verdade é que a Dilma não se conforma com a situação de empichada doméstica. Ela está pensando em imitar os Rolling Stones e sair em turnê mundial reclamando e se queixando. Megalomaníaca, Dilma não se contenta em reclamar ao bispo. Ela quer reclamar direto com o Papa pessoalmente. Dilma também quer falar com o Obama. Vai ser a primeira vez na história da esquerda mundial que um socialista vai pedir socorro para o imperialismo capitalista ianque.

a87347fc-c617-4103-9799-611c71ed53fc

Enquanto Dilma estiver nos EUA, Michel Temer vai ocupar interinamente a Presidência da República. Deve ser uma espécie de test-drive.

Agamenon Mendes Pedreira é desempregado concursado.

783
ao todo.
banner_arte_02

O ABISMO À BEIRA DO BRASIL!

O governo Zica Roskoff está parecendo as Casas Bahia: na maior liquidação! Qualquer ministério, novo ou usado, entrou em promoção! BNDES, Caixa Econômica ou Banco do Brasil, porteira fechada, sem entrada (e sem saída), em até 24 vezes à vista ou no cartão!!! Vamos aproveitar que é só até sábado!!!!

Enquanto isso, o ex-presidente Luísque Inácio Lula da Silva, na suíte ex-presidencial do hotel Golden Tulip, vai recebendo um a um os parlamentares da base desalinhada. A debandada das últimas horas aumentou o clima de desconfiança no comércio. Os deputados que venderam seus votos ameaçam colocar o Lula no Serasa. Eles acham que os cheques do ex-presidente em exercício não têm fundos. Lula, por sua vez, quer entrar no Procon contra os deputados. Ele está desconfiado de que os parlamentares não vão entregar o que venderam no domingo. Mas no Brasil é assim mesmo: político que rouba político tem cem anos de mandato.

A questão agora é o que fazer com a quase ex-presidenta impichada. Com o desemprego comendo solto no Brasil, o que a presidenta-gerenta vai fazer para ganhar a vida? Como cozinheira é sem chance: Dilma não sabe fritar um ovo, só sabe fritar ministro. Como faxineira, já mostrou que não faz o serviço direito. Motorista de Uber? Também não serve. Dilma não sabe dirigir, só consegue engatar a marcha à ré. Talvez possa fazer entrega de pizza, e por isso tem treinado muito na bicicleta. Jaques Wagner me confidenciou que Dilma vai ser convidada para fazer uma imitação dela mesma no Zorra Total. A questão é: como ela vai conseguir decorar as falas se o João Sacanna não está por perto?

Para votação do impeachment, domingo, em Brasília, tudo já está nos conformes. Para não haver conflito, construíram um muro enorme dividindo o eixo monumental. De um lado vai ficar a direita, do outro vai ficar a esquerda e, em cima, os tucanos.

 

14-04 Temer com dentes

O vampresidente, Michel Temer, já anunciou duas medidas de impacto do seu governo: 1) Vai proibir o comércio de alho em todo o território nacional. 2) Vai estatizar os Bancos de Sangue. 3) Vai abrir uma embaixada na Transilvânia.

Agamenon Mendes Pedreira também está em liquidação! Só até sábado.

644
ao todo.
banner_arte_02

BRASIL, O PAÍS DO FATURO

Depois da Moody’s, agora foi a agência internacional Abercrombie &Fitch que rebaixou o Brasil. Assim como o Vasco, nosso país voltou à Segunda Divisão, de onde nunca deveria ter saído. A culpa é da presidenta Eudilma Miranda que, com sua administração desastrosa, levou o Gigante do Planalto para o fundo do poço. Onde ficava o pré-sal.

Em Brasília, o Natal vai pegar fogo! Como sempre acontece no final do ano, milhares de empreiteiros, lobistas e políticos deixam seus envelopes na porta do Congresso na esperança de levar algum por fora. É a Caixinha 2 de Natal. Sem falar nas festas de fim de ano, onde a bebida e a bandalheira correm soltas. O grande receio nessas comemorações político-etílicas é que de repente apareça o japonês da PF por conta da delação premiada de algum “inimigo oculto” (ou inimigo secreto, como se diz em São Paulo). Até mesmo o Papai Noel está em dúvida se aparece no Brasil este ano. Como todos sabem, além de barbudo, o Bom Velhinho se veste de vermelho e tem medo que o Japa da Federal confunda ele com algum dirigente do PT e o leve pra tranca.

E, para piorar a situação, o Natal do brasileiro promete. Promete ser magro e esquálido como um modelo do Sebastião Salgado. O brasileiro, coitado, por conta da inflação e do desemprego, está na pior e vai ter que trocar o bacalhau pela sardinha, o tender pelo frango e o peru pelo vibrador. Bom, pelo menos isso já é um consolo…

Já a presidanta Dilma Youssef está em dúvida e não sabe onde vai passar as festas de final de ano. Sempre marqueteira, Fudilma Roussef está analisando o resultado das pesquisas. Metade dos brasileiros quer que ela vá pra M*!*%#*erda e a outra metade quer que ela vá pra PQP, que deve ser um partido da base aliada.

uuuuuuuu

É o fim da picada! Neste Natal da crise, as criancinhas brasileiras só vão poder escolher três presentes: zika, chicungunha e dengue.

Agamenon Mendes Pedreira é o Bom Velhaco.

1.9mil
ao todo.
banner_arte_02

SENHORA “PRESIDANTA”

“Ergo sunt, bagus plenus”

Não sei Latim e a senhora não sabe Português, por isso me sinto à vontade de enviar-lhe esta carta, porque ambos compartilhamos a mesma ignorância. Esta é uma carta de Cunha pessoal. É um desabufa que já deveria ter soltado há muito tempo, um flato consumado. E mal cheiroso.

Ao contrário da imprensa golpista, sempre critiquei o seu governo. O seu governo, o seu look de vilã da Disney, os seus discursos incompreensíveis, o seu penteado, suas roupas vermelhas, e o que recebi em troco, presidanta? Nem um troco, nem um “cala-boca”, nem uma sinecura, nem uma assessoria de imprensa ou emprego em blog chapa-branca!

Se a senhora é tão amiga dos pobres como alardeia, por que não faz alguma coisa por mim, que, desde que fui demitido da grande imprensa golpista, sou obrigado a me humilhar e exercer a mais vil das profissões: a de blogueiro. Se não fosse pela ajuda caridosa dos meus 17 seguidores e meio (não esqueçam do anão internauta), estaria na Rua da Amargura. Estaria não, estou! Nos fundos desse logradouro sombrio, estacionei a minha residência móvel, o meu Dodge Dart 73, enferrujado, e vivo da coleta de frutos e impostos silvestres. Ao lado da Isaura, minha patroa, que, com a crise, foi obrigada a costurar pra fora. E pra dentro também.

Vamos aos fartos. Exemplifico alguns deles.

  1. Passei os quatro primeiros anos do seu mandato como jornalista decorativo. O próprio Lula, ao me ver em seu gabinete, pendurou em mim o seu blazer.
  2. Na condição de jornalista-humorista, nunca fui consultado para escrever seus discursos sem pé nem cabeça e, talvez por causa disso, eles tenham sido motivo de tantas galhofas e pilhérias no Brasil inteiro.
  3. A senhora expulsou do Ministério da Pesca a garota de programa Kendrya, indicada por mim e que vinha exercendo o cargo de piranha-social, um trabalho belíssimo, muito elogiado pelos gringos durante a Copa do Mundo.
  4. Quando a senhora me fez um apelo para que a ex-presidenta da Petrobras Desgraça Foster nunca mais fosse à empresa, eu não titubeei e furei os pneus da vassoura com a qual ela ia ao trabalho diariamente.
  5. Recordo-me também que, quando recebeu a visita do Errei Roberto Carlos – com quem mantenho laços estreitos de ódio e amizade –, não me convidou, e olha que eu queria que ele autografasse a minha cópia pirata da biografia do Paulo César de Araújo que o maior censor romântico do Brasil proibiu.

            Portanto, não me resta outra saída a não ser declarar alto e bom som que, a partir de agora, estou fora. A presidanta não contará mais com as minhas críticas, piadas, trocadilhos e duplos sentidos. Enchi o saco. Lamento, mas é essa a minha convicção. Desrespeitosamente.

Agamenon Mendes Pedreira

 

11-12 agamenon

Analfabeto funcionário, Agamenon Mendes Pedreira teve que pedir ajuda aos universitários para escrever a sua carta pessoal e confidencial à presidanta Dilma Youssef. Ele também pediu para botar umas figuras bem bonitas para ver se a Dilma entende a mensagem.

 

 

956
ao todo.
banner_arte_02

AGORA FUDILMA!

Mesmo não trabalhando mais na grande imprensa golpista e neoliberal, eu aplaudo o início do processo de impeachment da presidanta Dilma Youssef. Podem me chamar de coxinha, mas é melhor ser coxinha do que pastel. O Brasil não aguenta mais ser governado por uma presidenta cross-dresser de esquerda. Para os otimistas, o Brasil está virando uma Venezuela. Caracas! E o que é pior: os pessimistas acham que a Venezuela já virou o Brasil.
Mas, na verdade, eu sou contra o impeachment da Dilma! Impeachment é muito pouco pra essa mocreia! Sigam-me o meu raciocínio: a “presidenta-gerenta”, em sua “administração”, aumentou a inflação, encolheu o PIB, fez o dólar subir, faliu o setor energético e quebrou a Petrobras. O que é que está faltando pra darem uma dura na Dilma? A Operação Lava Jato descobrir que ela influenciou o Aedes aegypt a transmitir o zika vírus e a microcefalia?
Nunca antes na História deste país um governo foi tão ruim e incompetente. E olha que a concorrência é grande! Para salvar a Dilma da degola, o PT resolveu declarar guerra e reuniu seus dirigentes para bolar uma estratégia urgente. Infelizmente, ninguém compareceu porque todo mundo estava preso. Em outro compromisso.
Mas nessa briga de bandido não tem mocinho nem mocinha. Esse Eduardo Pulha eu manjo há muito tempo. Mesmo tendo depositado uma vultosa quantia em sua conta na Suíça, Dedurado Cunha proibiu o lançamento do meu novo livro, Rouba, Brasil, na Câmara dos Deputados. Revanchista e vingativo, não ficou satisfeito com as centenas de citações do seu nome no meu livro. Guloso, Eduardo queria roubar a cena e ser o único personagem desta obra-prima imortal da Literatura Político-Criminalística Brasileira. Assim como o deputado, o meu livro já está à venda nas melhores livrarias do ramo.

Apesar de Eduardo Cunha ter proibido o lançamento do meu livro Rouba, Brasil na Câmara dos Deputados, arrumei um lugar muito mais liberal e democrático: o Hotel Clube Bahamas em São Paulo, Rua dos Chanés, 571, Moema, São Paulo, dia 14 de dezembro às 20 horas. Quero ver todos os meus 17 leitores e meio lá! Os políticos, empresários e doleiros citados no livro não vão comparecer, mas suas mães já confirmaram presença.

Agamenon Mendes Pedreira tem mais de 1 milhão de inimigos no Facebook.

333
ao todo.
banner_arte_02