banner_arte_02

Ô LOUCO, MEU! 

O Brasil ficou maluco! O maior país do mundo da América do Sul surtou! Entrou em parafuso! Ficou totalmente sem noção! Doidão de maconha, o Brasil parece que tomou um ácido!

O Brasil está vivendo uma realidade virtual, um sonho concreto no meio de uma realidade abstrata. Estamos condenados a uma “bad trip” interminável. O Brasil é um país cracudo onde os “noia” vagam feito uns zumbis pelo Executivo, pelo Legislativo e pelo Judiciário. Para conseguir viver algumas horas “no mundo real”, o brasileiro tem que fazer fila no cinema e assistir a Os Vingadores.

Se o Michê Temer é um vampiro da Transilvânia, o que seria o Gilmar Mendes? O Curupira? O Caboclo Tranca Rua? O Boi da Cara Preta? o Tutu Marabá? A Mula Sem Cabeça é que não é. A Mula Sem Cabeça é a Dilma Roskoff.

Nem criança acredita mais no Supremo Terminal Foderal. O STF virou uma lenda mitológica e já faz parte do folclore nacional. Só mesmo um Câmara, muito Cascudo, para explicar para o povo o que é o STF.

O ambiente é de pura violência no STF, Supremo Tribunal da Favela. Duas facções lutam para controlar o tráfico de drogas e influência (não necessariamente nesta ordem) no Judiciário. A mais famosa é a “Jardim do Éden” (também conhecida como Amiga dos Amigos), que é formada pelos perigosos magistrados Dias PToffoli, Gilmar Mentes, Enricado Ladrowovski e o Nem da Rocinha.

As duas facções vivem em guerra pelo controle das bocas de foro privilegiado, onde traficam liminares, ADFs, habeas corpus, medidas cautelares, mandados de segurança e outras sentenças que ninguém entende. O STF é tão perigoso, tão mal frequentado, que até os militares têm medo de subir lá.

A ministra Cármen Lúcia, que não é de facção nenhuma (muito pelo contrário), vai acabar fundando uma milícia só pra ela. Uma milícia no STF cobrando “proteção”, taxa do gás e fazendo “gatonet”. Era só o que faltava! Mas os ministros também faltam muito. Afinal, sempre eles têm outros compromissos mais importantes no exterior.

Muito doido, o senador Underbergh Farinhas parece que anda cheirando maconha.

Agamenon Mendes Pedreira tomou um Ácido Ascetil Salicílico.

 

 

banner_arte_02

HABEAS RABUS: A MISSÃO!

Ao contrário da Constituição, o ministro Gilmar Mentes não se emenda. Não é que o Gilmar soltou mais uma vez o Jacob Barata da cadeia? Barata, o Rei dos Ônibus Sobre Rodas, generoso, já ofereceu instalar uma roleta na penitenciária de Benfica para facilitar a circulação dos apenados que vivem na aba do ministro Soltar Mendes.

Ainda não se sabe o porquê dessa obsessão do Juiz Tabajara em soltar Barata. Geralmente, quem libera Barata é a sua esposa, que dá expediente no escritório responsável pela defesa do Al Capone dos coletivos do Rio.

Línguas maldosas insinuam que Jacob & Gilmar, ânus atrás, formaram uma dupla sertaneja em Mato Grosso do Sul, estado natal do ministro. Os dois criaram o Sertanejo Judiciário (uma vertente piorada do Sertanejo Universitário) e costumavam se apresentar em feiras agropecuárias, inclusive ganhando vários prêmios de robustez, rusticidade e precocidade.

Talvez por essa relação pecúnio-pecuária, Gilmar e Jacob tenham o rabo preso. Um com o outro. Gilmar inclusive foi padrinho de casamento da filha do Jacob, e o seu cunhado é sócio do Barata numa firma de dedetização.

Segundo o meu personal psicoproctologista, o Dr. Jacintho Leite Aquino Rego, o ministro padece de meretíssima desinteria de fundo nervoso. Mais para o fundo que nervoso. Apavorado com o seu o quadro jurídico-patológico, o magistrado Gilmar não consegue controlar a processualística do seu esfíncter nem da Operação Lava-Jato, e acaba todo togado. Um vexame.

CANTE COM AGAMENON

(melodia de A Barata – grupo Só Pra Contrariar (a Opinião Pública)

Toda vez que eu chego em casa
o Barata dos transportes não tá mais em cana.
Toda vez que eu chego em casa
o Barata dos transportes não tá mais em cana.

Diz aí, Gilmar, o que você vai fazer?
– Vou mandar uma habeas corpus para ele escafeder!
Diz aí, Gilmar, o que você vai fazer?
– Vou mandar uma habeas corpus para ele escafeder!

O Gilmar escafedeu a Barata dele!
O Gilmar escafedeu a Barata dele!

Com a decisão de Gilmar Mentes, as baratas resolveram processar as firmas de dedetização.

Com a decisão de Gilmar Mentes, as baratas resolveram processar as firmas de dedetização.

Agamenon Mendes Pedreira é jornalista togado

banner_arte_02

O GILMAR NÃO TÁ PRA PEIXE!

Quando a gente pensava que a coisa estava feia, aí veio o Gilmar Mendes e a coisa ficou muito pior. Como diria a minha avó, “Gilmar Mendes é um purgante!”. Gilmar é uma espécie de Lacto Purga do Supremo Tribunal Federal: solta tudo. Não tem bandido, malfeitor, escroque ou estuprador que o Gilmar Mendes não solte com barulho ensurdecedor e fedor insuportável, incomodando e constrangendo toda a sociedade. Tremenda falta de educação do magistrado.

Convoquei o meu personal psicoproctologista, Dr. Jacintho Leite Aquino Rego, para fazer uma análise psicopatológica da obra do eminente jurisconsulto. Dr. Jacintho recolheu uma amostra da obra de jurisexcrecência do Gilmar numa latinha e, depois de um exame detalhado ao microscópio, garantiu que o famoso rábula não tem fixação na Fase Anal Retentiva, muito pelo contrário.

Além da capa na Veja, Gilmar conseguiu uma façanha: virou uma unanimidade nacional, coisa rara no Brasil de hoje em dia. Gilmar Mendes é um dos sujeitos mais odiados do país. E olha que a concorrência é grande! Alheio a tudo e a todos, o arrogante meretríssimo, com medo, vive todo togado. Por isso mesmo, está mandando soltar todo mundo que foi preso pela Lava Jato. Não satisfeito, Soltar Mendes, entrou em guerra com o Procurador Geral da República, Rodrigo Jávou. Tirando partido de sua beiçola proeminente, Gilmar Mentes deu um beiço na opinião pública, que não aguenta mais ver tanta bandidagem de colarinho branco e reputação marrom solta por aí.

E não ficou só nisso, não! Num arrojado gesto de escárnio jurídico, Gilmau Mendes mandou soltar o seu compadre Jacob Barato. Gilmar foi padrinho de casamento da filha do empresário e inseto. Gilmar Mentes se esqueceu que o Barata sai caro e disse que não vê nenhum constrangimento nisso. Aliás, o mesmo argumento utilizado pela raposa que foi chamada para tomar conta do galinheiro.

E por falar em raposa e galinheiro, o senador de alta periculosidade, Aético Neves, quer de volta a presidência do PSDB (Partido Só De Bundões). Beócio Neves estava afastado do galinheiro tucano por mau comportamento. Aecinho desde menino foi problemático. Filho de pais separados, Aécio foi criado pelos avós que lhe faziam todas as vontades. Quando passou no vestibular, ganhou o estado de Minas para dirigir. Depois que o avô morreu, achou que iria herdar o Brasil, mas acabou ficando só com um apartamento na Avenida Atlântica. O problema é que, desde pequeno, o Abominável Aécio das Neves gosta de andar em más companhias, como o Luciano Huck, o Calainho, o Diniz, Furnas e a JBS.

gilmar-mendes

Modus in Rebus, Gilmarun Meandes, fotutum est.

Agamenon Mendes Pedreira é jornalista em regime semiaberto.

 

banner_arte_02

OPERAÇÃO ABUFA

No domingo passado, o presidente Michel Tremer recebeu o sinistro do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mentes, para jantar. Pediram pizza daquela pizzaria de São Paulo, a Comelo, que faz delivery de mala de dinheiro. Não se sabe o Gilmar Mendes entrou disfarçado pelos fundos (fundos do palácio, não do presidente) nem se gravou a conversa escondido. No final da janta, os dois de cara cheia, ensaiaram a coreografia de Despacito. A insuportável Despacito é o hino oficial da Operação Abufa.

A Operação Abufa tem como objetivo dar um jeito nas investigações da Operação Lava Jato. Os corruptos já não aguentam mais a violência da Polícia Federal e do Ministério Público, que vem dificultando muito a sua atividade profissional. Na ativa e na passiva. Para dar uma “moral” no seu movimento de resistência, os envolvidos nas investigações cantam e dançam o Despacito toda vez que se veem cercados pelos “federais”.

Depois do Ebola, do H1N1, da Zica, da Chicungunha, da Dengue, da Febre Amarela e da Gripe Espanhola, o Despacito é mais uma epidemia que assola a Humanidade, colocando em risco a existência da nossa espécie. E o que é pior: ao contrário da Zica, da Dengue e da Chicungunha, o Despacito não tem cura.

Me refiro-me ao mix de rumba-cumbia-caribe-regaton que se transmite principalmente pelos canais de música digital inoculando os ouvidos incautos pelos quatro cantos do mundo. Muito pior que a AIDS (na AIDS, pelo menos, o HIV é positivo), o Despacito entra pelo cérebro adentro do vivente distraído. Os primeiros sintomas são requebros intensos de quadris. Em seguida, a vítima emite grunhidos histéricos e guinchos agudos. Já inoculada pelo vírus, a vítima passa a executar coreografias bizarras descontroladamente.

Até mesmo o astro pop Justin Bieber foi acometido pela febre do Despacito gravando uma versão em inglês da incurável moléstia. Numa tentativa desesperada de cura, Bieber virou evangélico e entrou para a igreja do Pastor Feliciano. Do boiolismo ele já está quase curado, mas o Despacito continua a mesma coisa.

O cara ir embora da Venezuela eu entendo. Agora, sair da Venezuela para vir pro Brasil tem que ser muito burro. 

O cara ir embora da Venezuela eu entendo. Agora, sair da Venezuela para vir pro Brasil tem que ser muito burro

Agamenon Mendes Pedreira é primo do Gilmar por parte de mãe. Só não diz qual parte.

 

banner_arte_02

O VOTO DE ME ENERVA

A TV Globo vai entrar em concordata. Depois de perder os anúncios da Friboi e da Mortadela Seara, a “Grobo” vem perdendo audiência até para a TV Justiça!!!! Na semana passada, o reality BBB, Big Bacharel Brasil, foi acompanhado por milhões de brasileiros, que, hoje em dia, entendem mais de direito eleitoral que de futebol.

Aliás, de crise em crise, nosso povo ignorante e inculto vai se educando. Nos tempos de hiperinflação, qualquer um entendia mais de macroeconomia do que PHD de Harvard. Depois dos escândalos do mensalão e do petrolão, todo brasileiro, mesmo analfabeto, virou autoridade em direito penal, sonegação fiscal e técnicas avançadas de lavagem de dinheiro. Melhoramos muito também no cálculo matemático. Qualquer criança de primeiro grau sabe quantos milhões de reais cabem numa mochila.

Até a juventude está mudando os seus planos para o futuro. A galera não quer saber mais de ser DJ, fazer curso de teatro na CAL, nem formar dupla de sertanejo universitário, grupo de pagode ou banda de rock. Todo mundo quer estudar Direito para fazer sucesso na televisão e aparecer na Caras.

Também pudera! Não tem para o Antônio Fagundes, nem pro Lázaro Ramos, nem pro Cauã Raymond. O melhor ator do Brasil é o ministro Gilmar Mentes e está acabado! Gilmar é uma espécie de Fernanda Montenegro do Judiciário. Gilmar representa muito bem, principalmente interesses escusos.

Divo consagrado, Gilmar aceita fazer qualquer papel. Só faz papelão. Versátil, Gilmar é capaz de transformar uma comédia em tragédia e vice-versa. É só combinar o preço do cachê. Vaidoso ao extremo, Gilmar Mentes capricha na maquilagem e só usa óleo de peroba. Sempre inovador, em matéria de jurisprudência, Gilmar Mentes criou o Habeas Rabus, uma espécie de Habeas Corpus que serve para manter em liberdade todo criminoso que tem o rabo preso com a Justiça. Inclusive o dele.

ministros

Depois do sucesso do julgamento da chapa Dilma-Temer no TSE, os ministros Gilmar Mentes, Napoleão Mala, Tarcísio Sujeira e Admar Gozada vão estrelar a continuação de Piratas do Caribe.

Agamenon Mendes Pedreira é cabeça, tronco e membro do Judiciário.

banner_arte_02