banner_arte_02

ACABOU-SE TUDO!

Eu tive um sonho! Não sou o Martin Luther King, mas também tenho os meus delírios soporíferos devido à fome que passo por conta do meu miserê crônico. Sempre acabo sonhando com uma suculenta feijoada, com um leitão à pururuca ou, pelo menos, com uma bela banana. Alimentos do passado que ainda vivem adormecidos no meu inconsciente.

Mas desta vez sonhei diferente. Sonhei que, na capa da Veja, da Época e da Isto é, estava escrito: “O Brasil acabou!”. Até que enfim! No meu sonho onírico, a notícia foi um grande alívio para todo mundo, principalmente para a classe política, pois, uma vez acabado o país, também automaticamente acabou-se a Lava Jato. Ninguém foi para a cadeia.

Na minha mente adormecida, o Brasil acabou por decurso de prazo porque, definitivamente, não deu nem vai dar certo. Ninguém mais vai ter que se preocupar com o futuro, nem com o faturo. Vai ser o nada sobre a coisa nenhuma, e o país encontrou a sua verdadeira e definitiva vocação. Mas, infelizmente, fui acordado pelo ronco surdo da minha barriga vazia. O Brasil não acabou, foi tudo um sonho, uma doce ilusão. Acordado, raciocinando comigo mesmo, concluí: Agamenon, meu gênio! Não és o Fernando Henrique Seboso, mas descobriste a saída republicana! Parecia até o Michel Temer falando. Acabar com o Brasil de uma vez e para sempre! Eis aí a saída para o país.

Vamos poder então voltar a viver de acordo com a nossa natureza! Vamos nos dividir em tribos, bandos, quadrilhas, falanges, milícias e facções. Todas desorganizadas em torno de um líder, cada um no seu território. São Paulo vai pertencer ao PCC, o que foi o Nordeste vai ser dominado pelo PT. Mato Grosso, Goiás e todos os bois e as vacas vão ser de propriedade da JBS, e o Sul vai ser território da Odebrecht por conta das suas raízes germânicas.

Viveremos da caça, da pesca, da coleta de frutos silvestres. Sem falar, é claro, da guerra permanente entre as facções rivais. Não vai ficar muito diferente do que é hoje em dia, mas vamos ter mais tranquilidade. E ninguém vai ter que pagar imposto.

Passaremos a viver nus, pelados, como viemos ao mundo, com tudo de fora, como se fosse um permanente carnaval! Vale tudo! Ninguém é de ninguém, como, aliás, sempre foi!  Turistas aventureiros, conduzidos por guias armados, virão visitar o território para observar a vida selvagem. Alguns farão safári, caçando mulatas bundudas para comer à noite, no acampamento. E nós, os nativos, voltaremos à vida nômade, cruzando o que foi outrora o solo brasileiro, nos escondendo das feras e dos inimigos nas ruinas do que foi uma tentativa fracassada de civilização.

agamenon

Brasília será uma cidade-fantasma, habitada apenas pelo vento e poeira, com seus prédios decadentes, de vidraças quebradas, só contando o tempo para a Unesco transformá-la em patrimônio cultural da Humanidade.

 

Agamenon Mendes Pedreira é faturologista.

240
ao todo.

banner_arte_02

PARTIU TITANIC!

Nunca antes na História do país eu vi uma coisa dessas: o PMDB (Partido Me Dei Bem) saiu de um governo! O partido mais governista de todos os tempos desembarcou do governo e deixou a presidanta Zika Rousseff a ver navios. Navios-sonda da PTbras, líder mundial em negociatas profundas, que foram superfaturados para extrair o pré-sal e o dinheiro do contribuinte. Mas, mesmo assim, alguns ministros do PMDB se recusaram a sair, como é o caso do Ministro Roubôncio Ladravaz, que não quer largar o Ministério do Osso Social.

O governo Dilma Roskoff virou assunto internacional. Inclusive, um grupo de empreiteiros de Hollywood se juntou para comprar os direitos (e os esquerdos também!) e filmar uma mega superprodução superfaturada baseada em fartos reais. O filme iria se chamar Um Dilma de Cão, mas, do jeito que a coisa vai, resolveram chamar de Titanic II – a Missão. Vai ter que ter muita Lei Rouanet para bancar o projeto. Bndes, Eletrobrás, Banco do Brasil e Caixa Econômica já confirmaram presença. Só a Petrobras vai entrar com um rombo de 600 bilhões de dólares!!!!

Eu, Agamenon Mendes Pedreira, já fui sondado por um urologista da indústria cinematográfica para escrever o roteiro. Já meti mãos à obra. Desta vez, em vez de Nova Iorque, o destino do Titanic é Caracas na Venezuela. No lugar do Leonardo DiCaprio, vou contratar o Gregório Duvivier e refilmar a clássica cena na proa navio: Gregório, de braços abertos para o “nada”, grita a plenos pulmões: Não vai ter iceberg! Não vai ter iceberg!

No lugar daquela orquestra mixuruca que tocava enquanto o Titanic afundava, vou colocar um monte de artistas nacionais cantando marchinhas de carnaval como “Ei, você aí, me dá um dinheiro aí…” ou “Se a canoa não virar, olê, olê, olâ!…”. Outro momento emocionante do enredo é quando um bote salva-vidas com seis ministros do PMDB resolve remar de volta para o navio-catástrofe. Enquanto isso, no poste de comando, Dilma Roskoff declara que não renuncia porque não sabe nadar. Trancado no seu camarote tríplex (que não é dele), Lula, com uma garrafa de 51 na mão, convoca a imprensa internacional para mostrar que não tem medo, pois sempre viveu na maior água!!! Como na história real, o pessoal das classes C, D e E afunda junto com a embarcação: não vai ter boia pra todo mundo.

Mas voltando à vaca (que tosse) fria. O governo zumbi da presidenta Walking Dilma continua se arrastando por Brasília como um morto vivo à procura de cérebros para chupar. O problema é que achar cérebros na Capital Federal é quase impossível. De dentro do bunker do Planalto, o núcleo meia-bomba do governo só pensa em sobreviver e continua fazendo cálculos para a votação no Congresso. A vocação do governo para o crime é tão grande que a Dilma precisa de 171 votos para não ser impichada. É isso mesmo: 171!

Muita gente acha que se o vice Michel Temer assumir a presidência, a coisa vai ficar feia. Mais feia que a Dilma e a Jandira Feghali é impossível! Além do mais, a mulher do Temer é muito mais gostosa que essas duas criaturas das trevas. Aliás, comenta-se à bocada pequena que o ódio do Temer pela Dilma deve-se ao fato da presidanta ter dado um “lance” na esposa do Temer, oferecendo à vice-Primeira-Dama os programas sociais Minha Casa, Minha Comida e Minha Roupa Lavada.

31-03

O momento mais emocionante do filme “Titanic 2, a Comissão” é quando um bote salva-vidas com seis ministros do PMDB resolve remar de volta para o navio-catástrofe

Agamenon Mendes Pedreira é comandante e pau-mandado.

1.5mil
ao todo.
banner_arte_02

BRASIL, O PAÍS DO FATURO

Depois da Moody’s, agora foi a agência internacional Abercrombie &Fitch que rebaixou o Brasil. Assim como o Vasco, nosso país voltou à Segunda Divisão, de onde nunca deveria ter saído. A culpa é da presidenta Eudilma Miranda que, com sua administração desastrosa, levou o Gigante do Planalto para o fundo do poço. Onde ficava o pré-sal.

Em Brasília, o Natal vai pegar fogo! Como sempre acontece no final do ano, milhares de empreiteiros, lobistas e políticos deixam seus envelopes na porta do Congresso na esperança de levar algum por fora. É a Caixinha 2 de Natal. Sem falar nas festas de fim de ano, onde a bebida e a bandalheira correm soltas. O grande receio nessas comemorações político-etílicas é que de repente apareça o japonês da PF por conta da delação premiada de algum “inimigo oculto” (ou inimigo secreto, como se diz em São Paulo). Até mesmo o Papai Noel está em dúvida se aparece no Brasil este ano. Como todos sabem, além de barbudo, o Bom Velhinho se veste de vermelho e tem medo que o Japa da Federal confunda ele com algum dirigente do PT e o leve pra tranca.

E, para piorar a situação, o Natal do brasileiro promete. Promete ser magro e esquálido como um modelo do Sebastião Salgado. O brasileiro, coitado, por conta da inflação e do desemprego, está na pior e vai ter que trocar o bacalhau pela sardinha, o tender pelo frango e o peru pelo vibrador. Bom, pelo menos isso já é um consolo…

Já a presidanta Dilma Youssef está em dúvida e não sabe onde vai passar as festas de final de ano. Sempre marqueteira, Fudilma Roussef está analisando o resultado das pesquisas. Metade dos brasileiros quer que ela vá pra M*!*%#*erda e a outra metade quer que ela vá pra PQP, que deve ser um partido da base aliada.

uuuuuuuu

É o fim da picada! Neste Natal da crise, as criancinhas brasileiras só vão poder escolher três presentes: zika, chicungunha e dengue.

Agamenon Mendes Pedreira é o Bom Velhaco.

1.9mil
ao todo.
banner_arte_02

PANELAS DE PRESSÃO

Depois de passar uma vida inteira exercendo a profissão de cronista crônico, hoje me tornei um desempregado crônico. Vivo de favor, à mercê da caridade alheia e da coleta de frutos e impostos silvestres. Junto com outros jornalistas desempregados saímos em arrastões pelas ruas da cidade praticando pequenos furtos e achacando o cidadão honesto e trabalhador. Se não fosse o apoio irrestrito dos meus 17 seguidores e meio (não esqueça do anão, que é o meu maior fã, quer dizer, meu menor fã), já teria morrido de fome, frio e sede. Essas abnegadas criaturas que me acompanham aqui no meu blog sempre me trazem algo para comer e assim matar minha fome de justiça.

Por estar no desvio, na vadiagem, estarei nas ruas no próximo Domingão para protestar contra a presidenta Dilma Yousseff e as roubalheiras do PT, o Partido da Tranca. Como diz o ditado popular, “panela velha é que faz manifestação boa”. E panela é o que não falta lá em casa, todas vazias.

O governo parece aquele samba do Nelson Sargento, agoniza mas não morre. Tem muita gente que acha que o Brasil está sem governo, mas é melhor continuar assim. Olha só o que o Lula e a Dilma fizeram quando resolveram governar.

Na verdade, eu frequento essas manifestações por motivos mais escusos e inconfessáveis. Recolho latas de cerveja para vender na reciclagem e também sempre dá pra pegar alguma mulher insatisfeita. Com o governo ou com sua vida sexual, tanto faz. Mas tem uma coisa que me incomoda nesses protestos: são os seguidores do deputado nacional-socialista Jair Bolsonazi. Vestindo uniformes camuflados, botas de couro e trajes de guerra apertados, esses manifestantes de direita radical parecem mais integrantes do Village People. Alguns deles eu até já tinha visto na parada do Orgulho Gay.

aga_20150813

Para tentar neutralizar a onda de protestos no Brasil, o ex-presidente em exercício Luísque Inácio Lula da Silva resolveu participar da Marcha das “Margueritas”. Com bastante gelo, por favor.

 

Agamenon Mendes Pedreira é protestante evangélico.

406
ao todo.
banner_arte_02

PT, FRAUDAÇÕES!

O PT (Partido da Tranca) acaba de ter mais um de seus tesoureiros presos. Depois do mensaleiro Deroubio Soares, chegou a vez do roubalheiro João Vaggari Neto. Como praticamente toda a “diretoria” do partido está encarcerada, o presidente Rui Desfalcão está pensando em nomear o chefe do PCC, Marcola, como novo tesoureiro do PT (Papuda dos Trabalhadores). Mas é pouco provável que um criminoso comum como Marcola aceite trabalhar com a perigosa bandidagem partidária. Agora é que eu entendi por que tem tanto sindicalista no PT: todos são filiados ao Sindicato do Crime. O ex-atual presidente em exercício, Luísque Inácio Lula da Silva, apesar de achar a prisão do tesoureiro a maior carceragem, disse que é solidário ao companheiro apenado e também vai entrar em cana. Direto! Onde é que está a ANVISA que ainda não fechou e lacrou o PT por não cumprir com as mínimas exigências sanitárias?

Pelo menos essa onda de prisões tem algo de bom: de olho no futuro, os dirigentes petistas finalmente resolveram dar “um tapa” nas penitenciárias brasileiras. Milhares de celas estão sendo reformadas para hospedar a nova população de apenados do PT. Ar condicionado, hidromassagem, frigobar, sauna, internet e TV a cabo vão equipar os cárceres destinados a abrigar os futuros condenados. A presidente Dilma Roskoff, inclusive, já lançou o programa social Minha Cela Minha Vida para beneficiar a população petisto-carcerária que não para de crescer.

E como não poderia deixar de ser, as empreiteiras Queiróz Ladrão e Odecheque estão disputando uma concorrência superfaturada para realizar este programa assistencialista milionário. Quem também está na jogada é a Petrobras, líder mundial em negociatas profundas, que foi contratada para furar uns buracos que vão facilitar a evasão de divisas e petistas da cadeia.

Agamenon 16-04

O juiz Sérgio Moro vai passar o próximo feriadão pescando corruptos no PT porque sabe que ali tem truta.

Agamenon Mendes Pedreira é afundador do PT.

402
ao todo.
banner_arte_02

DILMA: A PATROA EDUCADORA

A Educação no Brasil, para ser uma bosta, ainda tem que melhorar muito.  Pra piorar o baixo nível, as nossas “otoridades” insistem em dar um péssimo exemplo ao nosso povo analfabeto. Veja o caso do ex-governador  do Ceará Cid Verte, que foi ao Congresso, xingou o presidente da Câmara, Eduardo Pulha, chamou os deputados de picaretas achacadores e depois renunciou ao cargo de Ministro da Falta de Educação. O esquentado irmão do nervosinho Ciro Gomes disse que não vai mais ficar no governo ENEM  fu*#!!!*#!*dendo. Por falar em ENEM, o governo tinha que obrigar os 39 ministros a fazerem a prova pra ver se entre as otáridades existe algum analfabeto funcionário, quer dizer, analfabeto funcional.

O problema do Brasil é que a presidenta Fudilma Rousseff ainda vive nos  tempos da luta armada. A luta armada era uma espécie de MMA ideológico, que empolgou a juventude coxinha revolucionária da década de  60. Sigam-me o meu raciocínio: Dilma já disse uma vez que o Zé Dirceu era seu “companheiro em armas”. Que armas? Só se for o canhão, um armamento que é a cara da presidenta. E agora vem a SECOM, Sectária de  Comunicação Maniqueísta, que mandou os blogueiros chapa branca fazerem uma “guerrilha” na Internet contra a elite branca e os coxinhas.

E tem mais: que papo racista é esse de elite branca? Tem algum negro no  ministério da Dilma? A única coisa que está preta ou afrodescendente é a situação do governo segundo a mais recente pesquisa do DataTrolha. E esse papo de coxinha, então? É melhor ser coxinha do que pastel!

19-03 agamenon

Segundo os geólogos, o terremoto que atingiu o governo da presidenta Dilma Mocreff atingiu 12 graus na escala Richter.

Agamenon Mendes Pedreira é coxinha com catupiry.

694
ao todo.
banner_arte_02

SEM DINHEIRO NO BOLSO FAMÍLIA

Agora, que estou desempregado, vivendo da caridade alheia, fui obrigado a me inscrever em todos os programas assistencialistas: Fome Zero, Bolsa Família, Meu Primeiro Desemprego, Esquenta e Caldeirão do Huck. Enquanto pobre e miserável, não posso ver uma fila que, na mesma hora, eu entro nela. Só de vacina pra gripe já tomei umas 15. Por isso mesmo, nessa semana quase tive um troço quando alguém me disse que o Bolsa Família ia acabar! Desesperado, peguei o meu cartão de pobre e corri para a Caixa Econômica pra ver se tinha sobrado um “cascalho” qualquer na minha conta de miserável profissional.

Assim que cheguei na agência da CEF, deparei-me com uma multidão de personagens esfaimados e esmulambados que , em pânico, já tinham ocupado a agência. Para conseguir chegar na boca do caixa, tive que espancar idosos, dar pontapé em grávidas e bater em crianças catarrentas que choravam no colo dos pais. Ninguém era de ninguém! Na luta encarniçada pela sobrevivência e pelo subsídio de cada dia, os assistidos são capazes de tudo, até mesmo pisar no pescoço da própria mãe. No meio daquela balbúrdia vi o Eike Batista tentando colocar sua peruca no prego! Por um milagre da Previdência, quer dizer, da Providência Divina, adentrou no apinhado recinto a figura messiânica e carismática do ex-atual presidente Luís Benefácio Lula da Silva. Para lembrar seus tempos de sindicalista o ex-operário e atual lobista, subiu num banquinho para acalmar a multidão faminta e gritou:

– Carma, pessoal, que não tem pra todo mundo!

Outra questão que está me tirando o sono é o problemas das empregadas domésticas. Com os novos encargos da lei, estou pensando em mandar a Isaura, a minha patroa, embora. Ciente dos seus direitos, a minha cara (e cada vez mais cara !) metade resolveu agora cobrar hora extra toda vez que fazemos sexo. Quem também está bolado com essa parada das empregadas domésticas é o ex-atual presidente em exercício. Lula não sabe o que fazer com a Dilma, a empregada que ele contratou para fazer a faxina no Palácio do Planalto. Sempre espertalhão, Luísque Inácio Lula da Silva está pensando em demitir a Dilma para recontratar a presidenta como diarista, assim ela só vai poder ir ao Palácio duas vezes por semana para não criar vínculo empregatício. Ex-militante de esquerda radical, Dilma não tem direita à nada. Mas a Dilma não é única funcionária que está na folha do ex-atual presidente. Dilma só lava e passa. Na cozinha (com trocadilho, por favor) Lula prefere a Rosemary que é de forno e fogão e dá tudo o que o presidente gosta de comer.


Agora que estou na maior pindaíba, tenho que acordar cedo para disputar o Bolsa Família com outros miseráveis porque a concorrência é grande, quer dizer, é Gandhi.

 

PENSAMENTO DO DIA, QUER DIZER, DO GLOBO, QUER DIZER, DO BLOG

“No futuro, todos terão direito aos seus quinze minutos de fome.”
                                                    Andy Warhol  

Agamenon Mendes Pedreira é modelo do fotógrafo assistencialista Sebastião Salgado.

 

48
ao todo.
banner_arte_02