banner_arte_02

TRÍPLEX OF CARDS

Só tem um jeito de tirar o Brasil da lama: para entrar no país, os gringos agora vão ter que pagar ingresso igual na Disneylândia. É muita emoção, gente! Nem a Glória Maria aguenta mais tanta corrupção, delação e safadeza! Parece até que nós estamos todos fazendo figuração num reality shows sem saber. E o que é pior: sem ganhar cachê. Depois da Lava Jato, o seriado House of Cards virou novela infantil do Cartoon Network.

Semana passada foi punk. Começou com o depoimento do Lula, o Francis Underwood de língua presa. Aliás, a língua do Lula já está presa, agora só falta o resto. No depoimento ao juiz Sério Moro, Luiz Inocêncio Lula da Silva, o X-9 do PT, botou todas as broncas na conta da Dona Marisa, que já estava de passagem marcada pro Paraíso (o bairro) e teve que voltar de metrô para o Jabaquara, quer dizer, o Purgatório. “Devido de quê” às acusações do ex-marido, o processo dela caiu em exigência e ela vai ter que contratar o fantasma do Márcio Thomaz Bastos para arrumar um Habeas Cadaveris no STF, Supremo Tribunal Funeral.

Tudo era culpa da Dona Marisa: a meia furada, a cueca mal lavada, a janta que tava fria, o tríplex do Guarujá, o sítio de Atibaia, a refinaria Abreu e Lima e a compra da tranqueira de Passadena. Luiz Pinóquio Lula da Silva pendurou tudo na conta da Dona Marisa, que falecida está e falecida pretende continuar. Se Dona Marisa soubesse que o Lula tinha o dedo tão nervoso, teria cortado fora os outros nove.

Mas o depoimento do Lula não durou nem um dia nas manchetes. As delações premiadas dos marqueteiros Mônica Moura e João Sacana não deixaram pedra sobre pedra em nenhuma obra superfaturada nos governos do PT. A gente não sabia que era governada pela D. Iolanda e que depois virou Janete. A Dilma só se comunicava em código, por mensagens secretas, avisando os seus comparsas quando ia dar ruim na Polícia Federal!

E a ex-presidenta Dívida Rousseff, que tirava onda de honesta, não passa de uma sociopata socialista esquizofrênica e paranoide de esquerda. Ela ainda agia como nos tempos da guerrilha. Uma presidenta subversiva que lutava para derrubar o governo que ela mesma governava. Pode isso, Arnaldo? Pouco antes do impeachment, ela não sabia mais quem era nem o que estava fazendo ali no Palácio do Planalto. Então, para não perder a mania de guerrilheira de esquerda radical, Dilma continuou a “expropriar” verbas públicas, só que agora nem precisava de pé de cabra. Ela tinha a chave do cofre. Não satisfeita, como boa terrorista, aproveitou para “explodir” o desemprego no Brasil. Exatamente como fez com o cofre do Adhemar de Barros, que, perto dessa galera, não passa de um inocente trombadinha.

 

monica-moura-e-joao-santana

Mônica Moura confessou que, apesar de casada, gostava de receber tudo do Palocci no caixa dois. Enquanto isso, o marido, João Sacana, fazia sauna pelado com o Delcídio Amoral para discutir os detalhes da campanha. É muita sacanagem junta!!!

Agamenon Mendes Pedreira é suplente de poste.

584
ao todo.
banner_arte_02

UM É POUCO, DOIS É BOM, TRÊS É DEMAIS!

Lula é réu pela terceira vez e vai poder pedir música no Fantástico! O ex-presidente mais honesto do mundo, o Jesus Cristo de Caruaru, vai acumulando um processo atrás do outro. Desse jeito não vai ter mais advogado desempregado no Brasil. É o Lula e o PT ajudando o Brasil a sair da crise! Desta vez a acusação é contra o Lula, o Marcelo Odebrecht e o “sobrinho” do Lula, o Taiguara, compositor de MPB (Música Propinal Empreiteira) já falecido e perseguido pela Ditadura. Taiguara na verdade é muito vivo. Tinha uma firma de reformar varandas na Praia de Santos, em São Paulo. As varandas, todas de frente para o mar, tinham vista para a África, e assim Taiguara, um cara que sempre viu longe, conseguiu sociedade com a empreiteira Desonerto Odebrecht para reformar umas hidrelétricas em Angola. Com o troco das obras, Taiguara aproveitou para “dar um tapa” na conta bancária do seu tio, filho da… filho da… filho da D. Lidu.

Devido de que a recessão que assola a economia brasileira, este ano não vai ter o famoso Castelo de Caras, a sofisticada fortaleza medieval europeia onde a colorida revista reunia artistas, empresários, políticos e famosos em geral para passar o fim de semana e sair da depressão. Em compensação, os editores da revista estão procurando uma mansão em Curitiba para juntar as celebridades; vai ser a Cadeia de Caras. Eduardo Cunha e Cláudia Cruz já têm reserva confirmada. D. Cláudia, muito vaidosa, já encomendou uma coleção completa de pulseiras eletrônicas na Tiffany’s de Nova Iorque. O ex-senador Gim Argello também já confirmou presença, mas ainda tem muita gente esperando um convite para desfrutar da temporada no charmoso casarão. Tem até lista de espera.

Apesar da derrota do PT nas eleições, o ex-senador Eduardo Suplicy não para de comemorar. Suplicy garante que ganhou o Prêmio Nobel de Literatura pela composição Blowing the Wind, de sua autoria.

20161014_Agamenon

Robert Zuckerberg, o Bob Dylan, graça ao seu Facebook, ganhou o Prêmio Nobel de Literatura.

 

Agamenon Mendes Pedreira, escritor desempregado e impotente, é candidato ao Prêmio Nobel de LiteraDURA.

23
ao todo.
banner_arte_02

QUEM NÃO DEVE NÃO TEMER!

Enquanto jornalista desempregado (coisa cada vez mais comum no Brasil), tenho passado os dias perambulando pelas ruas de Brasília. Como a Capital Federal não tem esquina, anda-se pra caramba e não se chega a lugar nenhum. Mais ou menos como o Brasil. Sobrevivendo como figurante de passeata, passo o dia entre um sanduíche de mortadela aqui, uma coxinha ali e vai-se levando. Vocês sabem onde.

Fiquei dois dias sem dormir perambulando pelos corredores do Congresso na tentativa de passar por deputado e assim descolar algum qualquer vendendo o meu voto, contra ou a favor, tanto faz. Na madrugada cheguei a ocupar os microfones do Parlamento por duas vezes, onde pronunciei dois discursos candentes: um contra e outro a favor do impeachment. Faço qualquer negócio para aparecer na GloboNews.

Exausto, arrumei um canto no plenário para repousar o meu encanecido esqueleto. Tirei o meu surrado paletó, que dobrado funciona como travesseiro, e adormeci profundamente crente que estava em local seguro. Ledo e ivo engano. Ao acordar, na manhã seguinte, percebi que tinha sido roubado. Levaram tudo o que eu tinha, se é que eu tinha alguma coisa. Um bando de Deputados de Rua promoveu um arrastão de madrugada levando o que viam pela frente. Me deixaram totalmente despido, nu e pelado. Pior! Para completar o esculacho, espetaram uma bandeirinha escrito “Não Vai Ter Golpe” em orifício remoto da minha anatomia.

Graças a funcionários piedosos da Câmara dos Deputados, consegui uns trapos andrajosos para tampar as minhas partes pudendas, que, afinal, não são tantas assim. Recomposto, passei a assistir à romaria de deputados ao microfone onde, um a um, proferiam seus intermináveis votos. É comovedor como os nossos parlamentares pensam nas suas famílias. Antes de cada voto faziam questão de declarar que votavam pela mulher, pelos filhos, pelo pai, pela mãe, pela vó e pela tia. Agora eu entendo por que os políticos brasileiros quando se elegem para um mandato a primeira coisa que fazem é arrumar um emprego para cada um dos seus familiares.

Justiça seja feita, um marco histórico foi alcançado e vai ficar para os pósteros: pela primeira vez o povo brasileiro viu os parlamentares brasileiros trabalharem. Chegaram mesmo a virar a noite fazendo serão!!!! Desconfio que eles só fizeram isso para aparecer na GloboNews.

E, para finalizar, apesar de não ter emprego nem mandato, em nome de minha patroa, a Isaura, em nome do meu psicoproctologista, Dr. Jacintho Aquino Rego, em nome do Enéas, o meu cunhado esquisitão, eu, Agamenon Mendes Pedreira, voto assim!!!! E assado.

Mountain-biking-on-the-Isle-of-Skye

Enquanto isso, no Palácio da Alvorada, uma criatura solitária pedalava a sua bicicleta pelos imensos salões desertos e escuros. Era a presidenta Zica Roskof dando as suas últimas pedaladas, alheia a tudo e a todos.

Agamenon Mendes Pedreira é jornalista desempichado.

686
ao todo.
banner_arte_02

THE BOOK ROSA IS ON THE TABLE

A novela “Verdades e Cascatas”, de Walcyr Carrasco, está mostrando pela primeira vez ao Brasil a realidade das agências Book Rosa. Pra quem não sabe, Book Rosa são agências que trabalham cafetinando jovens modelos que, algumas vezes, são contratadas para fazer programas e depois voltar à prostituição, que é o esporte que elas realmente gostam de praticar. Essas inocentes GPs também se vendem por dinheiro e acabam envolvidas com o crime organizado, assim como o pessoal do PT (Partido da Tranca ) e da base criminal aliada.

Cobrando mais que o Lula em suas “palestras”, as abonadas garotas do Book Rosa passam a torrar a grana com os vícios mais caros, levando uma vida de devassidão e safadeza generalizada. Até aí, tudo bem. O problema é que, em pouco tempo, essas lindas jovens, que esbanjavam saúde e beleza, acabam se tornando viciadas em crack: Fred, Adriano, Ronaldinho Gaúcho e o Guerrero.

A prostituição e o jornalismo são as mais antigas das profissões. E isso desde o tempo em que a primeira mulher da caverna (ancestral da “mulher sapiens” da Dilma) resolveu vender seu corpo por um pedaço de carne. Carne de mamute, é claro. Só os caretas e coxinhas conservadores não veem que esse lance do Book Rosa não tem nada de mais, é só uma espécie de gourmetização da putaria. Um bordel on-line com três estrelas no Michelin. A diferença é que agora estão cobrando uma fortuna por aquilo que você já comeu mais barato.

Com a chegada do Viagra feminino, as reprimidas mulheres muçulmanas vão, finalmente, poder dar a burka.

Com a chegada do Viagra feminino, as reprimidas mulheres muçulmanas vão, finalmente, poder dar a burka.

 

Agamenon Mendes Pedreira é jornalista book marrom.

358
ao todo.
banner_arte_02

O MEU BURACO É MAIS EMBAIXO!

Graças a Dilma Roskoff e a Luísque Inácio Lula da Silva, o Brasil está no buraco. E o que é pior: o buraco foi vendido pra China, já que a PTbras, líder mundial em negociatas profundas, não tem dinheiro nem mais pra ficar no buraco. Mas não é só a Petrobras que está quebrada. Eu também estou a neném, no maior miserê, vivendo de favor na Rua da Amargura, fundos, onde está estacionado o meu Dodge Dart 73, enferrujado. Se não fosse a Isaura, a minha patroa, que consegue levantar algum “por fora” (mesmo que seja por dentro), eu já estaria na cracolândia, dando entrevista pro Craco Barcellos ou para alguma das estagiárias gostosas do Profissão Repórter. Se a coisa continuar assim tão braba pra cima de mim, em breve vou me transformar em modelo exclusivo do fotógrafo Sebastião Salgado.

Mas o pior disso tudo é a suprema humilhação de ter me tornado um blogueiro da internet onde ninguém lê os meus geniais artigos, com exceção, é claro, dos meus 17 seguidores e meio. Aliás, o anão pediu o boné porque está trabalhando na série Game of Thrones e não tem mais tempo para ler minha coluna.

Eu deveria ter seguido os conselhos da minha mãe, que sempre me disse pra fazer concurso pra Petrobras e entrar no PT. Assim, eu teria sempre o que roubar e não ia faltar nada na minha conta bancária, que, de tão vazia e lúgubre, dá medo até no meu gerente. Para não decepcionar inteiramente a minha pobre mãezinha, eu acabei me enveredando na carreira criminal, mais especificamente no jornalismo marrom. Mas os jornais e as revistas estão acabando e os periódicos de imprensa não exercem mais a sua função primordial, que é a de embrulhar peixes e outros frutos do mar perecíveis. Quem é vai embrulhar um robalo ou badejo num tablet da Samsung ou num iPad?

07-05 blog

A Rainha Elizabeth estava no trono quando o lacaio real bateu na porta do toalete avisando que sua bisneta Sophie Charlote tinha nascido.

Agamenon Mendes Pedreira é cronista crônico.

150
ao todo.
banner_arte_02

NEPAL, É PEDRA, É O FIM DO CAMINHO

Sorte tem o povo do Nepal, que não tem que enfrentar o governo de calamidade pública do PT. Felizmente, no Brasil a gente não tem terremoto, não tem tufão, não tem maremoto, mas, em compensação, tem a presidenta Fudilma Rousseff. Como um tsunami assassino, a presidenta-gerenta, em apenas um mandato, destruiu a Petrobras, devastou o poder aquisitivo dos trabalhadores e arrasou o sistema energético do país. Que estrago!

Mas nem tudo são más notícias: tem também as péssimas notícias. A Cruz Vermelha e a ONU já estão em Brasília tentando resgatar os mortos e feridos no meio dos escombros do governo petista-leninista. Por entre as ruínas do Detrito Federal, ONGs internacionais estão tentando resgatar a credibilidade da presidenta, mas os especialistas em catástrofes da GloboNews consideram isso impossível. A reconstrução do Nepal vai custar 6 bilhões de dólares. Vai sair mais barato que o prejuízo de 21 bilhões na PTbras, líder mundial em negociatas profundas. Para desviar a atenção dos sobreviventes brasileiros, o marqueteiro João Sacanna divulgou uma foto do ex-presidente em exercício Lula malhando. Ora, por que não mostraram uma foto minha, que vivo malhando o Lula há mais de 20 anos?

Já o PT (Partido do Terremoto) divulgou uma nota na qual afirma que a culpa do cataclisma político é do Fernando Henrique. O PT, Partido dos Trambiqueiros, também afirmou que está ajudando no resgate das instituições e já fez a sua parte: tirou o corpo fora. Como sempre.

Agamenon 30-04

Uma delegação da PTbras já está no Nepal para ajudar a roubar os donativos destinados às vítimas do terremoto.

Agamenon Mendes Pedreira é jornalista-catástrofe.

554
ao todo.
banner_arte_02

PT, FRAUDAÇÕES!

O PT (Partido da Tranca) acaba de ter mais um de seus tesoureiros presos. Depois do mensaleiro Deroubio Soares, chegou a vez do roubalheiro João Vaggari Neto. Como praticamente toda a “diretoria” do partido está encarcerada, o presidente Rui Desfalcão está pensando em nomear o chefe do PCC, Marcola, como novo tesoureiro do PT (Papuda dos Trabalhadores). Mas é pouco provável que um criminoso comum como Marcola aceite trabalhar com a perigosa bandidagem partidária. Agora é que eu entendi por que tem tanto sindicalista no PT: todos são filiados ao Sindicato do Crime. O ex-atual presidente em exercício, Luísque Inácio Lula da Silva, apesar de achar a prisão do tesoureiro a maior carceragem, disse que é solidário ao companheiro apenado e também vai entrar em cana. Direto! Onde é que está a ANVISA que ainda não fechou e lacrou o PT por não cumprir com as mínimas exigências sanitárias?

Pelo menos essa onda de prisões tem algo de bom: de olho no futuro, os dirigentes petistas finalmente resolveram dar “um tapa” nas penitenciárias brasileiras. Milhares de celas estão sendo reformadas para hospedar a nova população de apenados do PT. Ar condicionado, hidromassagem, frigobar, sauna, internet e TV a cabo vão equipar os cárceres destinados a abrigar os futuros condenados. A presidente Dilma Roskoff, inclusive, já lançou o programa social Minha Cela Minha Vida para beneficiar a população petisto-carcerária que não para de crescer.

E como não poderia deixar de ser, as empreiteiras Queiróz Ladrão e Odecheque estão disputando uma concorrência superfaturada para realizar este programa assistencialista milionário. Quem também está na jogada é a Petrobras, líder mundial em negociatas profundas, que foi contratada para furar uns buracos que vão facilitar a evasão de divisas e petistas da cadeia.

Agamenon 16-04

O juiz Sérgio Moro vai passar o próximo feriadão pescando corruptos no PT porque sabe que ali tem truta.

Agamenon Mendes Pedreira é afundador do PT.

402
ao todo.
banner_arte_02

OU VAIA OU RACHA!

Neste domingão, o brasileiro coxinha da elite branca golpista e reacionário vai voltar às ruas para protestar contra o governo da presidenta Dilma Youssef. Para melhorar a imagem do governo, Dilma chegou a emagrecer 13 quilos, mas não adiantou nada porque na CPIZZA da Petrobras, surgiu um novo X-9: Dedo Barusco, antigo Diretor de Sistemas que era responsável pelo roubo sistemático na PTbras. Para não ser preso, Dedo Barusco decidiu praticar a felação premiada no juiz Sergio Moro e devolveu 300 milhões que ele tinha depositados na Suíça! 300 milhões de reais!!!!! Com esse dinheiro dava pra comprar a bancada toda do PP, do PDT, a Guiné Equatorial e a Beija-Flor!

Enquanto cidadão honrado e desonesto, também irei protestar veementemente contra as negociatas do PT (Partido da Trolha) no domingo. Esta “turma da pesada que se meteu em aventuras muito loucas” precisa se tocar que o brasileiro não aguenta mais tanta roubalheira e tanta maracutaia! Principalmente, sem ter sido convidado pra nenhuma delas.

Por incrível que pareça, os caras-pintadas do passado hoje estão na lista do Janot, como é o caso do senador Lindbergh Fominhas. A PF descobriu que o ex-delator de abastecimento da Petrobras, Paulo Rouberto Gosta, abastecia regularmente a conta bancária de Lindbergh. Lindinho resolveu botar a culpa na mídia golpista que, ao invés de criticar o governo, deveria publicar notícias positivas como o tamanho do pênis médio do brasileiro: 9 cm em estado de recessão e 13 cm em estado de inflação. Perto do nosso PIB encolhido, até que está de bom tamanho.

Até a Isaura, a minha patroa, criatura alienada e apolítica, já me avisou que vai participar ativamente (e passivamente) das manifestações. Sempre insatisfeita e insaciável me garantiu que vai estar presente na manifestação batendo panela. Como todo mundo sabe, panela velha é que faz manifestação boa.

    Do jeito que o desemprego está aumentando, em breve, o brasileiro não vai pra rua só no domingo não. Vai na segunda, na terça, na quarta, na quinta...

Do jeito que o desemprego está aumentando, em breve, o brasileiro não vai pra rua só no domingo não. Vai na segunda, na terça, na quarta, na quinta…

Agamenon Mendes Pedreira é desempregado profissional.

1.3mil
ao todo.
banner_arte_02
banner_arte_02
banner_arte_02