MEUS MELHORES DO ANO

Final de ano é tempo de se encher a cara em festas de fim de ano da empresa e pagar mico na frente do chefe, de se esfalfar em lojas lotadas para comprar presentes de natal, de se meter num engarrafamento boçal para ver a árvore da Lagoa, de se ficar especulando sobre que jogador vai pra que time no ano que vem , de se ficar especulando sobre como vai ser a economia e a política no ano que vem e de se fazer listas de Melhores do Ano. Aqui vai a minha:

Melhor trauma do ano – Alemanha 7 x 1 Brasil
Melhor escândalo do ano – Petrolão 7 x 1 Brasil
Melhor choro – Thiago Silva.
Melhor lasanha – A que o Murtosa fazia pro Felipão no anúncio durante a Copa.
Melhor discurso após o vexame – Felipão: “Foram só 6 minutos de pane”
Melhor estádio brasileiro em que o Brasil não jogou na Copa – Maracanã
Melhor jogador brasileiro do Barcelona- Neymar
Melhor momento do campeonato brasileiro – durante a Copa, quando ele parou.
Melhor jogador do Brasileirão– Aquele cara do Cruzeiro que eu não lembro o nome.
Melhor embate em debate eleitoral- Levir Fidelix x Eduardo Jorge
Melhor erro estatístico – Todos os Institutos de Pesquisa no 1º turno.
Melhor filme brasileiro baseado num livro que eu escrevi – Julio sumiu.
Melhor filme que nos deixa irritados porque é argentino- Relatos selvagens.
Melhor filme que demorou mais tempo para ser filmado – Boyhood.
Melhor documentário que não é desse ano , mas que eu vi esse ano – Searching for Sugar Man
Melhor novo membro da Academia Brasileira de Letras – Ferreira Gullar
Melhor novo membro da classe média – Eike Batista
Melhor livro de economia que demorou mais de um ano para sair no Brasil- O capital no século 21 do Thomas Piketty
Melhor biografia do Getúlio do ano – Getúlio 1945-1954
Melhor livro sobre o Rei para quem não é monarquista – O réu e o rei – de Paulo César de Araújo
Melhor bife – O que o Roberto Carlos não comeu no anúncio do Friboi.
Melhor fila – Iphone 6
Melhor série americana- True detective
Melhor segunda temporada – House of Cards
Melhor série brasileira escondida depois do Globo Repórter – Dupla identidade
Melhor Porta dos Fundos – Refém e Viral
Melhor desafio que eu não fiz- desafio do balde de gelo.

72
ao todo.
banner_arte_02

Deixe uma resposta