ALBUMBUNZÃO DE VIAGEM 2

Balança, mas não cai!

Estou aqui, nesse exílio voluntário, basicamente, na intenção de me dedicar, intensamente, ao ócio e ao lazer. Mas sabe como é…
a idéia é, sempre que der, ao menos tentar, balançar o coreto.

Só no sapatinho.

Não tem jeito, por mais que você ande, por mais que você viaje, pode ser onde for… aonde quer que você vá, sempre pinta um Pagode.

Pronta entrega!

Primeiro Mundo é outra coisa mesmo. Aqui o humorismo atingiu um nível de profissionalismo totalmente impensável para nós, pobres brazucas. Vejam esta empresa de PIADA DELIVERY, que entrega anedotas fresquinhas aos consumidores locais. Quando, em nosso país, poderemos contar com um serviço dessa qualidade?

CONTINUE LENDO…

Isso aqui ioiô, é um (o) bocadinho de Brasil iaiá… 

Tem quem reclame. Não sou um deles. Afinal, fama é fama, target is target e patrimônio CUltural é patrimônio Cultural, ainda mais com “CU” maiúsculos.
Por isso, não fique chateada(o). É sempre melhor ter algo do que puerra nenhuma. E esse é o fato: em matéria de bunda, “calcinha safada”, biquini “ousado”, depilação “bigodinho de Hitler e “promessa de putaria”, não que sejamos imbatíveis, mas ainda estamos nos primeiros lugares do ranking mundial.
Aliás, deve ser o único “campeonato”, atualmente, que somos os tais. É um consolo? Claro que não.
Em se tratando de consolo, os suecos ainda estão na ponta (com e sem vibro e duplo sentido)… quem duvida é só dar uma zoiada: http://pt.lelo.com/ (tem até site in portuguese… os cabras são profissas)

Aberto 24 horas.

Passeando pelo Soho de London, antes de pegar um cineminha, de repente, vemos esse aprazível bar “temáticu” da “cumunidade”… Fala sério, alguém já viu nome mais apropriado?
O problema é que os trocadilhos tornam os diálogos, no local, muito previsíveis, tipo: “E aí, colega, vamos hoje tomar uma lá no Ku?” – “Claro, meu caro tricolor… Quem não gosta de no final do dia tomar pelo menos umazinha no Ku?”…”O Ku é o melhor lugar pra pedir mais uma na saideira”… “Mas no Ku, boa mesmo é a “entradeira”.

Sem falar nos comentários dos mais metidos a gozados (viu ? os trocadalhos são inevitáveis), como estes que “peguei” lá no meu “Face”(quer coisa mais baitola que falar “Face”?)

“Engraçado é que a entrada é pela frente” – Nota-se que a surpresa de quem comentou denuncia o pouco conhecimento e habilidade do mesmo. Os grandes experts sabem que apesar do acesso mais dificultoso entrar no “Ku” pela frente é garantia de diversão de rara qualidade.

“Ku abre qualquer hora?”, “É limpinho por dentro?” – a preocupação do consumidor sempre se faz presente, ainda mais quanto ao funcionamento e higiene do estabelecimento. Mas todo mundo sabe, que uma vez estando lá dentro a maior parte da freguesia esquece as preocupações em nome do lazer.

E por aí vai… e vem.. e vai… e vem… Úúúú que loucura!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *