CAFÉ DA MANHÃ

–       Passa a manteiga, cachorra.

–       Oi?

–       O queijo, vagabunda.

–       Hellooo! Carlos, tá falando com quem?

–       É contigo mesmo, sua vaca!

–       Carlos! Para com isso. Não tô achando a menor graça.

–       Ué, como não? Ontem mesmo você tava me pedindo: “me chama de piranha, me chama de cachorra!”

–       Isso foi de noite, na cama.

–       Mas eu continuo com tesão!

–        Imagina se as crianças ouvem.

–       E se eu falar isso baixinho no seu ouvido, sua piranha?

–       Não dá, não adianta forçar a barra, Carlos. Esse vocabulário não funciona com a gente vestido pra sair pro trabalho.

–       Quer que eu tire a calça, sua safada?

–       Quero que você cale a boca.

–       Palmadinha na bunda?

–       Experimenta! Te derramo a água do chá.

–       Opa! Tá entrando no clima. Também vou te deixar toda molhadinha.

–       Você não tem reunião daqui a pouco?

–       Quer brincar de secretária, danadinha?

–       Chega! Tô indo.

–       Quer que chame um táxi?

–       O quê??

–       O dinheiro tá na mesinha de cabeceira.

–       Carlos, mais uma dessas e ligo pro meu advogado!

–       Que isso! Vai me processar??

–       Quem falou em processo? É só pra animar a brincadeira.

–       Aí não, aí parou!

–       Não para, não para…

 

 

3 Comentários

  1. Felipe Aboudib   •  

    Boa tarde Helio, beleza?

    Acabei de te encontrar no elevador do edifício empresarial Cidade do Leblon (29/10/13 às 14:00 +-). Entrei por último no elevador, e com um copo de café na mão te acenei com a cabeça falando ”beleza?”. Só estou escrevendo isso, porque como botafoguense roxo que sou, fiquei com vontade de te dar os parabéns pelo belo e triste texto que você escreveu há meses sobre a saída precoce do Vitinho. Eu gostaria de ter falado pessoalmente, mas não quis te incomodar. E confesso que fiquei um pouco tímido com o elevador cheio. Então assim que entrei no escritório pensei como poderia te agradecer, e com uma pesquisa rápida no google achei esse blog. Muito obrigado por aquele texto que me emocionou muito. Espero ler outros textos de sua autoria sobre o nosso glorioso Botafogo. Grande abraço, Felipe Aboudib

    • Helio de La Peña   •     Author

      valeu, felipe! aproveita e dá uma olhada nos outros textos. tem coisa bacana por aqui. de vez em quando falo sobre o bota também. obrigado pelos elogios e da próxima vez, esqueça a vergonha e fale!

      • Felipe Aboudib   •  

        Valeu pela resposta Hélio!
        Pode deixar que já li vários, tem muita coisa boa mesmo, ganhou mais um leitor! Abraço

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *