O QUE VOCÊ ESTÁ VESTINDO AGORA, MAITÊ?

Guarde na memória essa imagem: Maitê vestida. Em breve, você só lembrará dela como ela veio ao mundo!

Num ano recheado de más notícias, o botafoguense é dos poucos neste país que tem satisfação em ler os jornais. A inflação sobe, o dólar sobe e… o Botafogo sobe! Contrariando as estatísticas, o Fogão dessa vez resolveu dar um refresco para seus torcedores. Não vamos sofrer até os 45 do segundo tempo, vamos garantir nosso acesso com algumas rodadas de antecedência. E ainda temos boas chances de conquistar o título.

Sem essa de se envergonhar! Ser campeão da série B não chega a ser motivo para desfilar em carro aberto pela cidade, mas é prova de um dever cumprido. Sabemos que precisaremos de muitos reforços para encarar 2016, mas não tem nada de vergonhoso ser o melhor da competição disputada.

O melhor é que teremos mais do que um troféu. Maitê Proença vai cumprir sua promessa!

Num distante domingo, Maitê estava no ar no programa dos Extra Ordinários. Normalmente vai ao ar às 22:30, mas naquele dia, por conta de algum jogo, o programa começou à meia-noite e meia. Portanto, já passava de uma da manhã, quando Maitê lançou o desafio: se o Botafogo voltasse à série A, ela ficaria nua no programa. Notem, não disse “se o Botafogo fosse campeão”, bastava subir. Portanto, estamos a dois passos da nudez da musa alvinegra.

A brincadeira vai ser divertida e deverá acontecer no dia 29/11, domingo imediatamente após a última rodada do campeonato. Na véspera, Maitê entrará em campo com nossa equipe no jogo contra o América Mineiro, no Niltão.

Se eu fosse você já garantiria o ingresso. Vai que ela se empolga e…

NÃO VAI SER MOLEZA!

A sensação da torcida quando seu time cai para a série B é estranha. Não se fala muito do campeonato atual e sim da expectativa do seu final feliz, quando o clube poderá estar de volta à elite. O torcedor acompanha meio de longe, ainda de olho no que está ocorrendo na série A, onde estão os times dos seus amigos. É como uma pessoa que morava em Ipanema e, por um revés da vida, é obrigada a mudar para a Tijuca, mas não frequenta a nova vizinhança, só quer saber de frequentar os bares dos seus velhos amigos.

Pois resolvi quebrar essa regra. No último sábado fui a Belém assistir a Botafogo x Paysandu, no Mangueirão. Foi a estreia do Fogão na segundona, o início da saga que pode culminar com a esperada nudez de Maitê Proença.

Foi uma viagem puxada. São praticamente 2500 quilômetros  entre o Rio e Belém. A equipe do programa ExtraOrdinários, formada por cinco pessoas, incluía a estrela da campanha, Maitê. Nossa musa nunca imaginou ir tão longe pelo Fogão. Cansativo, mas divertido.

O melhor da viagem estava na mesa. A comida é ótima naquela terra. Peixe fresco, temperos e frutas de nomes indecoráveis – tucupi, jambu, bacuri, cupuaçu, pra citar aqueles que guardei. O restaurante Remanso do Bosque e a sorveteria Cairu foram os destaques. Um passeio pelo Mercado Ver-o-Peso gerou boas situações, e ainda visitamos a Estação das Docas, uma área portuária que, reformada, ficou bem bacana.

belem1

O estádio Olímpico do Pará, chamado Mangueirão, estava lotado com a confiante torcida do Papão. Foi prestigiar o time recém-chegado da série C. E demonstrou vontade de voar alto. Durante o primeiro tempo, o Paysandu pressionou o Bota e me deixou assustado. Não queria ir tão longe ver meu clube começar o B-Brasileiro com o pé esquerdo. Assistimos à primeira etapa de um camarote da Secretaria de Esportes, de frente pra galera alvinegra que, surpreendemente, compareceu em bom número. Mas sobre a nossa cabeça pesavam os 30 mil paysandusenses, que não paravam de pular e gritar.

A coisa não estava boa. Resolvemos mudar de tática. Fomos assistir ao restante do jogo no meio da nossa galera. Mas parecia haver uma conspiração: ficamos presos no elevador do estádio! Foram 15 minutos de sufoco. Fomos salvos pela Maitê, que nos tirou dali com a força de sua meditação.

belem3

Chegamos à arquiba com a segunda etapa já em andamento. A recepção foi bem calorosa. Tão calorosa que quase não vimos nada, já que todos queriam tirar fotos com a gente. E olha que nossa musa estava vestida!

O Bota evoluiu, partiu pra cima, ameaçou, dominou, mas mostrou a fragilidade da defesa. E acabou tomando um gol polemicamente anulado – no tira-teima, Leandro Cearense aparece na mesma linha, mas a bandeirinha não teve acesso ao replay.

Aos 41 minutos, o alívio. Rodrigo Pimpão recebe de Carleto e empurra pras redes paraenses. O jogo foi fraco, com muitos passes errados e jogadas bisonhas. Mas o voo de volta foi mais leve.

Pudemos ver como este ano vai ser dureza. De qualquer forma, Maitê, é melhor pedir um personal pro Sportv e ficar de olho na balança, pois em dezembro vamos cobrar a promessa!

belem2

E ninguém cala…

MAITÊ NO MARACA

Maitê prometeu ficar nua pelo Fogão. Isso, caso a gente volte para a série A do Brasileirão. Portanto, a promessa pode ser cumprida em dezembro. Pra ela ir se acostumando, levei-a ao Maraca. Marinheira de primeira viagem na nossa van, cometeu um erro grave: carregou um tricolor. Nunca antes na história isso tinha acontecido. O resultado, vocês conhecem: perdemos a primeira batalha. Claro que deu azar. Mas nada está perdido. Ainda temos chances, ainda mais se jogarmos reforçados pela ausência do Fred. Dessa vez, não vai ter nenhum “alemão” infiltrado. Se bem que o que dá azar mesmo, é jogar com ataque inoperante e com zaga que cochila e não mata a jogada.

O video acima é um trecho do programa Extra Ordinários, que foi ao ar em 12/4/2015.

MAITÊ NUA POR AMOR AO FOGÃO!

(recado para o elenco do Botafogo)

Maitê Proença mostrou que é Fogão. E não foi num programa de culinária do GNT. Durante o programa Extra Ordinários, no SporTv, fez uma promessa que está balançando a concentração do plantel alvinegro. Maitê prometeu posar nua, caso o Botafogo volte para a Série A.

Sabemos que ainda falta muito. Temos o Carioca, a Copa do Brasil e, enfim, todo um Brasileirão série B a cumprir. Mas assistir aos jogos na segunda (ou terça, ou quinta, sei lá)  ganhou um outro sabor. É um desafio que a torcida do Fogão vai acompanhar com prazer. E, cá entre nós, os torcedores adversários podem até fazer um jogo de cena, mas duvido que não queiram ver nossa musa como veio ao mundo.

Este video foi enviado aos jogadores. Vamos aguardar a resposta. Se mandarem video, vou publicar.

Pode ter certeza, Maitê, já tem jogador treinando com mais empenho. Eles sabem que quem fizer corpo mole, vai pegar uma fama muito esquisita.

 

#QUEROMAITÊNUA

BORA VER UM JOGO NA ITÁLIA?

Sempre que viajo, um programa não pode faltar: assistir a uma partida de futebol no estádio local. Gosto de ver como se comporta a torcida, as instalações, a organização. Ah, sim, o nível do futebol em campo. Mas isso é um mero detalhe. Sentar numa arquibancada, independente de quem tá em campo, pra mim já é diversão garantida.

Estava em Roma, soube que ia haver um jogo no Estádio Olímpico, fui conferir. Comprei com antecedência os ingressos pela internet. Imprimi em casa, não precisei ir a lugar nenhum validar. Eles acreditam em código de barra! Em certos aspectos, a Itália só é primeiro mundo por questões geográficas. A zona é muito parecida com a nossa. A entrada no estádio, o desrespeito aos lugares marcados, torcedores que não sentam um minuto…Estava com meu filho pequeno, que não conseguia ver o campo. Quando falei com uma senhora que estava à nossa frente, ela respondeu: “Quer sentar, vai pro teatro!” Fiquei na minha antes que ainda tomasse uma bandeirada nos cornos – lá não é proibido entrar com bandeira nos estádios. Não quis conferir se era proibido entrar com bandeira nos cornos de turista.

Mas chega de papo. Vem comigo assistir a Roma x Empoli.