TEMPESTADE EM BALDE DE GELO

Captura de Tela 2014-08-22 às 19.01.25

É a nova mania mundial. Artistas, jogadores, cantores, empresários, ex-presidentes americanos… todo mundo faz seu vídeo esfriando a cabeça. A campanha do banho gelado tá bombando em toda a Europa, menos na França, como era de se esperar. Não querem saber de banho nem beneficente.

Particularmente acho que muitos motoristas deveriam adotar essa campanha permanentemente. Sempre que for dirigir um carro, antes esfria a cabeça com um balde de gelo. Receitaria o mesmo para chefes nervosinhos, diretores de cinema estressados, bandidos cracudos e pra minha mulher na TPM: um balde de gelo pela manhã, outro na hora do almoço e um terceiro antes de se deitar. Nem precisam doar nada.

Por falar em fazer campanha sem doar nada, vejo que muitos adolescentes entraram na onda do balde de gelo. Gente que não toma banho a semana inteira está aceitando o desafio só pra causar no facebook. Minha dúvida é se, além do duchão, eles também contribuem com um dindim para o tratamento da Esclerose Lateral Amiotrófica. Será que tão economizando em Smirnoff Ice e destinando parte da mesada para um fim mais nobre?

Tenho uma sugestão pra turbinar os benefícios dessa campanha. Os voluntários deveriam viajar até São Paulo e gravar o vídeo dentro das represas do Sistema Cantareira. A água derramada elevaria o volume dos reservatórios e acabaria com a secura da capital paulista.

Outra sugestão. Vamos aproveitar o horário eleitoral e lançar a campanha do balde de lama para os políticos corruptos. Eles desafiariam seus colegas a parar de roubar. O Brasil sairia dessa com a alma lavada!

***

Zoação à parte, fui desafiado pela minha amiga Luciana Braga e encarei o desafio. E nem tava de cabeça quente…

***

A galera do Tabablog reuniu alguns banhos de gelo que não deram certo. São os melhores videos dessa campanha. Olha só…

FORÇA NA PERUCA!

O ditador Kim Jong-Un não teve infância. Educado com mão de ferro pelo ditador pai, Kim Jong-Il, ele agora brinca com a população do seu país, como se o povo fosse feito de Tamagoshis. Por que ele não pega o computador e cria um mundo no Minecraft? Ou vai se distrair jogando um videogame? Pode ser um GTA 5 ou o Call of Duty, por exemplo. Assim podia matar à vontade sem ferir ninguém. A ONU tem que arrumar um jeito de tirar esse brinquedinho chamado Coreia do Norte das mãos desse sujeito!

 

PICOLÉ DE BRAZUCA

Brasileiro é um bicho reclamão. Vem ao Rio no verão no Rio e reclama do calor. Alguém com menos de 165 anos já viu um janeiro ameno e agradável nessa cidade? É sempre essa fornalha, nenhuma novidade nisso. Tá certo que é chato abrir a geladeira e encontrar uma família de cracudos abrigada na última prateleira. Mas é da vida, não há o que fazer.

Aí o sujeito vai pra Nova Iorque e se surpreende com a friaca. A Giovanna Antonelli chegou a postar uma foto no Instagram com a legenda: “Frio inexplicável!!!!!” É perfeitamente explicável: enquanto aqui é verão, lá no hemisfério norte é inverno!

A coisa é pior para o carioca, que não conhece esta estação porque ela nunca vem ao Rio com medo de ser assaltada. A gente não tem casaco, no máximo um bermudão camurça e umas camisas sociais de manga comprida. Nas ruas de Manhattan até os mendigos parecem milionários com seus casacões maneiros. A gente não tem casacão maneiro. Na hora de fazer as malas, descola uns agasalhos com um parente que viajou pra Europa há uns vinte anos. As roupas que usamos podem ser vistas em seriados tipo “Jeannie é um Gênio”.

Outra coisa, carioca acha que roupa de frio é caretice. Se recusa a por uma touca ridícula ou calçar luvas, coisa de boiola. Macho que é macho bate queixo e jura que tá acostumado.

Estive lá numa dessas friacas e fiz este vídeo educativo que ensina como se vestir pra curtir a neve na Big Apple. Não saia do hotel sem assistir!

SHAMPOO OU CONDICIONADOR: UM PROBLEMA CABELUDO

Helio com o shapoo certo

Algo me intriga toda vez que vou tomar banho. A quantidade de shampoos e condicionadores à minha disposição. São diversas marcas, cada uma ressaltando uma característica. E são tão específicas que tenho medo de usar o shampoo errado e meus cabelos começarem a cair. Ou pode fertilizar todo o corpo durante o enxágue e eu acabar me tornando um peludo feito o Toni Ramos.

Quando era solteiro só conhecia dois tipos de cabelo: o bom e o ruim – na época não existiam terminologias politicamente corretas, ainda assim não precisei levar meu couro cabeludo a um terapeuta. Depois de casado, descobri os cabelos secos, oleosos, lisos, cacheados, danificados, com pontas duplas – e olha que nem no futebol se usam mais pontas!

Vou confessar uma coisa para vocês: não faço a menor ideia da diferença entre shampoo e condicionador. Por que se usa um, depois o outro? O shampoo não lava tudo, por que precisa da ajuda de um amigo? Se usados na ordem inversa, o cabelo sofre uma mutação? Usa-se shampoo ou sabonete no sovaco? E os pentelhos, merecem condicionador? São muitas as dúvidas, o banho já foi um procedimento muito mais simples…

Resolvi analisar os rótulos dos shampoos e condicionadores. Fiquei chocado com a quantidade e complexidade de termos nas fórmulas. Percebi que tenho quase todos os elementos da tabela periódica na prateleira do meu box! A partir das descrições que encontrei, vou levantar minhas dúvidas. Se você tiver algum conhecimento da ciência capilar, por favor me ajude.

– Shampoo sem sal – será para cabelos com pressão alta?

– Contém colágeno marinho rico em hidratante de alga marinha – alga marinha é salgada, deve ser para cabelos com pressão baixa.

– Com manteiga de cupuaçu – para cabelos magros, sem problemas com gordura.

– Avolumante – se é pra dar mais volume, acho melhor passar no pau!

– Fortalecedor de jaborandi – Auxilia no fortalecimento. Ideal para atrizes escaladas para brigas de novela com muita puxação de cabelo.

– Contém chá verde e extrato hipérico – segundo o dicionário, hipérico é um tipo de erva, ou seja, para cabelos naturebas ou de maconheiro.

– Ativo de frutas – hummmm… para cabelos metrossexuais.

– Reparador de umidade – aquele que te avisa que você não secou direito a cabeça.

– Termoativado – protege do calor do secador. Se bem que a melhor maneira de se proteger do secador é usando a velha e boa toalha!

– Sem sultafo-fosfato-parabeno – oi? Faltei a essa aula de química.

– Sem SLS – sem lauril sulfato de sódio – seja lá o que for isso, melhor não ter!

– Contém explosão de cereja – seria um shampoo nuclear?

– Para cabelos normais – não é aconselhável para jogadores de futebol.

– Para cabelos secos – não deve ser usado durante o banho.

– Não arde nos olhos – em qual dos três?

– Anticaspa – finalmente entendi uma!

Descobri que no meu banheiro tem shampoo pra todos os tipos de cabelos. Estou pensando em instalar uma câmera para saber quem além de mim e da minha mulher anda tomando banho ali. Ou talvez  deva perguntar ao Obama. Se anda nos espionando, pode me dizer isso.