INDULTO DE NATAL

Waldemar Costa Neto, um dos apenados do mensalão, foi autorizado pelo STF a passar o Natal com a mãe. Olha só! Não é que o Waldemar tem mãe???!!! Claro que tem, pelo menos no imaginário da população que conhece a fundo a vida da veneranda senhora e a trajetória do seu rebento. O povo tem certeza que a “mamãe” criou o seu “garotão” com o suor da labuta, exercendo, de sol a sol, a mais antiga das profissões. Vejam bem, me refiro a uma “mãe imaginária”, muito embora a mãe biológica, com certeza, já vetusta, decana e encanecida, foi condenada pelo criador a uma vida longeva para poder testemunhar o destino do seu talentoso “Mazinho”.

Todo mundo tem pai e mãe, mas não são todos que têm o privilégio de ser criados por ambos. Mas a ampla maioria dos brasileiros, por mais pobres que sejam, conviveram com pai e mãe e receberam, desde a mais tenra infância, os ensinamentos básicos do que é certo e do que é errado. Menos o Waldemar. E o Renan. E o Zé Ribamar. E o Jáder… E tem mais o Paulo, o Luiz Inácio, o Fernandinho… a lista é grande. Quer dizer, ou não receberam esses ensinamentos ou não quiseram aprender. Pior para eles, para as mães e muito pior para nós, brasileiros.

Para esses genitores, que fracassaram naquilo que é mais importante no exercício da paternidade e da maternidade, fica a danação eterna, a pena máxima: passar o Natal com o Waldemar que, no lugar de uma biografia, apresenta uma extensa folha corrida.

E tenho dito.

4 Comentários

  1. EDITH SARMENTO DUTRA   •  

    COITADAS DAS MÃES! AÍ CABE A FRASE…”NINGUÉM MERECE”!

  2. Ernesto Barros   •  

    O PT usa programas sociais, como o Bolsa Família ou Minha Casa Melhor, com o intuito de fidelizar o eleitorado carente, desvia recursos vultosos das estatais e distribui milhares de cargos, sem levar em conta o mérito, para satisfazer a base aliada no Congresso; desconstrói seus adversários com calúnias, desrespeita a Lei de Responsabilidade Fiscal, concede refúgio a Cesare Battisti (um assassino, segundo a Justiça Italiana), transforma o BNDES no Banco dos Amigos do Governo (BAG) e cria a “Era do Pibinho”.
    Para evitar surpresas desagradáveis nas eleições, coloca um simpatizante na presidência do TSE e insiste em manter exclusivamente eletrônico o nosso sistema de votação, o que escancara as portas para a fraude. Ou seja: pinta o sete, faz o diabo, para continuar desgovernando o Brasil.

  3. EVALDO   •  

    Marcelo, sou de Mogi das Cruzes – SP, reduto eleitoral desse cara e por incrível que pareça tem uma parcela considerável da cidade que o idolatra, mesmo depois de ” tudo ” que ele já fez, Jesus!! Até na minha família tem gente que defende ele. As vezes é difícil morar aqui… Um abraço

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *